12.3.18

Homicida é preso em Arraial horas depois do crime.


Mateus Oliveira confessou ter matado Josué Carlos da Silva porque ele agrediu seu pai e tentou estuprar sua irmã.

Horas depois de matar Josué Carlos da Silva, com golpes de faca, Mateus dos Santos Oliveira, o Dedei, de 18 anos, foi preso, na quinta-feira (8), no centro de Arraial D’Ajuda, por policiais da 2ª Delegacia Territorial (DT), de Porto Seguro.

Mateus, que mora na cidade de Vitória, no Espírito Santo, e estava naquele município há 15 dias, confessou que matou Josué dentro de casa porque ele agrediu seu pai e tentou estuprar sua irmã, há uma semana. O criminoso levou os policiais até o local onde escondeu a faca utilizada no crime.

A delegacia de Arraial D’Ajuda apurou que Mateus estava em liberdade condicional, depois de ter sido preso por furto, em dezembro de 2017, na cidade de Macaé, no Rio de Janeiro. O criminoso será encaminhado para o sistema prisional. A faca apreendida seguiu para a perícia do Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Por Priscila Carvalho.

Nenhum comentário: