20.12.17

Lula tem uma carta na manga. (Por Gustavo Conde)

Tô achando que Lula tem uma carta na manga. Moro anda muito quietinho e com medo. O país e o mundo inteiro se aprontam para apoiar Lula e a pressão sobre o juiz deve estar insuportável. 
 
As acusações contra Moro vão tomando corpo na imprensa internacional (o depoimento do jornalista americano Brian Mier é devastador) e, por mais que ministério público e juiz se sintam protegidos pela bolha da imprensa brasileira, eles sabem que, ato contínuo a uma condenação confirmada, os eventos tomarão tomarão corpo e desencadearão uma sequência imprevisível de ações e mobilizações. 

Todos eles sabem - como pontuou Nassif, ontem em seu blog - que as ilegalidades já estão sendo verificadas por instâncias independentes da justiça, de organismos internacionais e, acima de tudo, da opinião pública que um dia os apoiaram e agora os rechaçam (segundo última pesquisa Vox Populi olimpicamente ignorada pela imprensa convencional).
 
A inflexão do ministro Gilmar Mendes de hoje se alinha a esse movimento: a proibição da condução coercitiva fere de morte a Lava Jato, praticamente a extingue, já que ela tem se resumido - inclusive no conceito defendido pelos próprios procuradores - a cenas espetaculares para veículos de comunicação.  

Todos eles sabem - eles, desembargadores, juízes e procuradores envolvidos neste processo de Lula - que a função que lhes foi designada é impedir Lula de concorrer. Cumprem resignadamente este ofício. É até piada se falar em tecnicalidades da condenação, tão desconstruída que já foi mundo afora. 
 
Eles sabem também que serão descartados  depois de consumada a tarefa. E que a partir dali, suas reputações, pazes de espírito e rotinas de trabalho serão drasticamente modificadas. Sabem o que a história lhes reseva e lidam com isso com curiosa frieza (uma frieza suicida). Compraram esta missão de maneira religiosa (não à toa, um dos procuradores é pastor profissional). 
 
E qual seria essa carta na manga de Lula? Antes de dizer, que ninguém se engane: alguém aqui acha que Lula é bobo? Alguém aqui acha que Lula é ingênuo? Lula está observando todos os movimentos políticos que se desenrolam no país neste momento. Está atento a todos os instintos de sobrevivência que transitam pela combalido tecido político-social. 
 
Lula sabe que ele já venceu todos esses pobres justiceiros deslumbrados, os moleques do MP. Sabe também que venceu a Globo e toda a imprensa que o caça desde 1978. Como Dirceu disse, o golpe é rejeitado pela população. Preso, condenado ou não, ele venceu e, não só ele, como todos nós sabemos disso. 
 
Saber da própria vitória consolidada  - mas ainda não reconhecida pelo derrotado - é como estar no topo avançado de um campo de batalha: você vê tudo melhor que todo mundo. Lula é quem joga, é ele que faz o lance no tabuleiro. O adversário apenas corre contra o tempo, contra os fatos e contra a opinião pública e técnica. 
 
A carta na manga de Lula é a consciência de todos esses fatos. Os fatos são sua maior aliança neste momento, com todo o perigo e prudência que eles impõem. Mas, é óbvio que há também a negociação política. Lula sabe conversar, sabe convencer, sabe seduzir. Neste momento, toda a magistratura séria - ou aquela que tem rabo preso e/ou medo de cair no penhasco da história - está se rendendo aos seus encantos. Podem anotar e me cobrar.

Por Gustavo Conde.

Nenhum comentário: