28.9.17

Caravana Respeita as Mina passa por Itabuna e municípios do litoral sul.


A Caravana Respeita as Mina, de enfrentamento à violência contra as mulheres, passará por Itabuna na próxima sexta-feira (29). Na ocasião será lançado o projeto Respeita as Mina – Litoral Sul e assinado o Termo de Cooperação Técnica com o Ministério Público da Bahia, além do Pacto de Combate à Violência contra as Mulheres, firmado com prefeituras da região. A caravana começará às 8h, no auditório do Colégio Modelo de Itabuna, no sul da Bahia, com a participação da secretária Estadual de Políticas para as Mulheres (SPM), Julieta Palmeira, entre outras autoridades. A Caravana é uma ação itinerante promovida pela SPM em parceria com o Instituto Avon e apoio da ONU Mulheres e do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Mulher da Bahia (CDDM).

Formada por técnicas da SPM, a Caravana tem o propósito de engajar e sensibilizar a população local para a importância da luta contra a violência às mulheres, buscando o fortalecimento da rede de atenção e também a conscientização da população em geral, principalmente da juventude para as graves consequências do machismo. Serão realizadas oficinas de capacitação, abordando o enfrentamento à violência a partir de um recorte de gênero. As oficinas são voltadas para a rede de atenção à mulher, rede de segurança, representantes da sociedade civil e estudantes da rede pública.

O Projeto

Nesta caravana haverá outros três atos simultâneos. O primeiro deles será o lançamento do projeto Respeita as Mina – Litoral Sul, fruto de Emenda Parlamentar. O projeto prevê ações similares às caravanas, visando ampliar as ações da rede de atenção às mulheres em situação de violência nos municípios da região, envolvendo ações governamentais e não governamentais que contribuam para o enfrentamento à violência e promovam o empoderamento das mulheres. Sete municípios do Litoral Sul da Bahia estão entre os 100 com maiores índices de homicídios de mulheres no Brasil. Alguns apresentam taxas até quatro vezes maiores que a taxa média nacional de 4,8% por 100 mil habitantes, conforme o Mapa da Violência 2015.

Logo após o lançamento do projeto, haverá a assinatura do Termo de Cooperação Técnica da SPM com o Ministério Público da Bahia. O termo prevê ações conjuntas que promovam a defesa da cidadania, reestruturando e aperfeiçoando o combate à discriminação de gênero e racial por meio de estímulo e fortalecimento de Conselhos Municipais de Defesa dos Direitos da Mulher, iniciando com o Litoral Sul do Estado.  A assinatura do acordo possibilitará a ampliação das iniciativas que contribuam para o empoderamento das mulheres, rompendo o ciclo de violência por meio de ações de prevenção e enfrentamento.

Ainda como parte da programação da manhã, pelo menos dez prefeituras da região assinarão com a SPM o Pacto Estadual pelo Enfrentamento à Violência contra as Mulheres, que prevê ações integradas para o fortalecimento de políticas públicas que contribuam para consolidar a Política Nacional pelo Enfrentamento à Violência às Mulheres. O pacto foi lançado em agosto de 2007 como parte da Agenda Nacional do Governo Federal e consiste em um acordo federativo entre os governos federal, estadual e municipal com o objetivo principal de garantir a prevenção e o combate à violência, além da assistência e a garantia de direitos às mulheres.

A programação será encerrada com a apresentação do grupo de teatro Rosas pela Democracia que aborda, com humor, a cultura machista mostrando atitudes e comportamentos cotidianos de homens e mulheres que muitas vezes são repetidos sem que se tenha consciência do quanto são discriminatórios e contrários à luta pela emancipação feminina.O turno da tarde será para a realização das oficinas de capacitação.

SERVIÇO
Caravana Respeita as Mina
Local: auditório do Colégio Modelo de Itabuna

Programação

Manhã
8h

Ato Institucional
Lançamento do Projeto Respeita as Mina Litoral Sul
Assinatura do Termo de Cooperação Técnica com o Ministro Público da Bahia
Assinatura do Pacto de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres
Apresentação do grupo Rosas pela Democracia
Intervalo – almoço

Tarde
14h


Oficinas de Capacitação.

Nenhum comentário: