4.5.12

XXXVIII Corrida Rústica de Tiradentes. O vencedor foi um policial militar de Paulo Afonso.

Realizada todos os anos, a tradicional Corrida Rústica Tiradentes é uma realização da Polícia Militar da Bahia (PMBA), em sua 38ª edição, abre o calendário anual das corridas de rua de Salvador e conta com a participação de centenas de atletas e praticantes da corrida de longa distância. A prova aconteceu no dia 28/04, com largada e a chegada na Vila Militar do Bonfim, compreendendo dois percursos na Cidade Baixa, um de 5,5 km e outro de 10 km.
Tendo assumido o Comando do 20º Batalhão no dia 10/04, o Ten Cel PM Josemar Pereira Pinto, adotando uma política de valorização profissional estabelecida em seu Plano de Metas para a Unidade, incentivou a participação dos policiais militares, enviando uma representação de três atletas, que acompanhados pelo Cap PM Adilson Moreira da Costa, deslocaram a cidade de Salvador e, em sua primeira participação, obtiveram colocações expressivas.
Participaram da corrida o 1º Sgt PM Carlos Genário Gomes Oliveira, que foi 1º COLOCADO em sua categoria, O Sgt PM Mamedio Lima Barros, e a Sd 1ªCl PM Kamila Maria Freitas Silva.
Tendo como uma das metas a formação de um quadro de atletas, o Comandante da Unidade procura incentivar a prática desportiva e, consequentemente, desenvolver atividades saudáveis que refletem na manutenção e melhoria do condicionamento físico dos policiais militares da Unidade.

Preso falso policial militar em Aracaju/SE.

Ontem 03 de maio foi preso Luciano Silva Cavalcanti (36) na cidade de Aracaju em Sergipe. Em fevereiro ele teria seqüestrado em Maceió/AL um policial civil e roubado o veiculo de propriedade do mesmo e fugindo para a capital sergipana e lá se passando por policial.
Na cidade ele falsificou a documentação do policial alagoano e a utilizou durante este período em que cometerá crimes.  Adulterou o referido documento, colocando nele sua fotografia.
Preso pelo GTAM/SE, que fez um bom trabalho, ele agora se encontra preso e vai responder pelos crimes que cometeu. Durante o interrogatório, ao ser perguntado se usava algum tipo de droga ele respondeu “... Eu há muito tempo já usei Potenay, que é um remédio para cachorro e cavalo”. E declarou que está teria sido a primeira vez que teria praticado o crime de falsificação de documento.

3.5.12

Hantend Open Your Eyes.

Contrato entre governos estadual e federal garante R$ 25 milhões para compra de máquinas.

Equipamentos serão utilizados, prioritariamente, para obras de abastecimento nos municípios afetados pela seca
Através de contrato firmado com o Ministério do Desenvolvimento Agrário (nº 764.982), o Governo do Estado conseguiu a liberação de R$ 25 milhões para compra de 35 motoniveladoras e 28 retroescavadeiras para a Bahia. O montante foi depositado nesta quinta-feira (3) na Caixa Econômica Federal.
De acordo com o secretário da Casa Civil da Bahia, Rui Costa, os equipamentos serão utilizados para recuperação e manutenção de estradas vicinais, limpeza de aguadas e construção de pequenas barragens. “As máquinas serão utilizadas, prioritariamente, nos municípios afetados pela seca”, afirmou.
A ação será executada pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa vinculada à Secretaria do Desenvolvimento e Integração Regional do Estado (Sedir). A licitação dos equipamentos será iniciada ainda neste mês. (Ascom/Casa Civil/BA)

Homem é encontrado chorando na rua após 36 horas de sexo com ninfomaníaca.

Um homem foi encontrado pela polícia chorando nas ruas de Munique, na Alemanha, depois de uma noite de sexo. Ele disse à polícia que acredita ter sido vítima da ninfomaníaca alemã que forçou um DJ a ser seu escravo sexual por cinco horas - caso ocorrido no dia 9 de abril, também em Munique. As informações são do Mirror News.
Segundo os policiais, o homem, de origem africana, estava do lado de fora do apartamento da mulher e, exausto após 36 horas de sexo, teria dito: "Eu a conheci em um ônibus. Ela me convidou para vir aqui. Oh, Deus, foi um inferno. Eu não posso andar. Por favor, me ajude".
A mulher, de 47 anos, foi levada ao hospital para observação psiquiátrica. Ela já é acusada de coerção sexual e privação de liberdade por manter, durante cinco horas, o DJ Dieter S., 43 anos, como escravo sexual.
Dieter havia conhecido a mulher apenas algumas horas antes, em um pub no distrito Ludwigsvorstadt, em Munique. Ele disse ao jornal TZ de Munique que teve que chamar a polícia para resgatá-lo do apartamento dela depois que a suspeita o trancou dentro do local, escondeu a chave e o obrigou a fazer sexo repetidas vezes.
"Ela era louca por sexo e não havia maneira de sair do apartamento", disse Dieter. Ele contou que fez sexo consensual com a mulher três vezes na manhã daquele dia, a segunda-feira depois da Páscoa. "Eu estava tomando uma cerveja no pub depois do trabalho e encontrei essa mulher - e a gente se deu bem imediatamente", disse Dieter. "Ela era bem atraente", acrescentou.
Mas após as primeiras rodadas consensuais, Dieter disse que queria sair. Ele descobriu que ela havia trancado as portas por dentro e escondido a chave para que ele não pudesse sair. Ele pensou em tentar fugir pela sacada, mas era muito alto, contou. "Eu percebi que estava preso e tinha que continuar até que ela adormecesse", disse Dieter. "Então, nós fizemos sexo mais cinco vezes."
Assim que a mulher adormeceu, Dieter disse que saiu para a varanda e fez uma ligação de emergência para a polícia em seu telefone celular. A polícia chegou 10 minutos depois.
A mulher abriu a porta para deixar os oficiais entrarem e logo fez uma proposta a eles, segundo a polícia. "Ela tentou convencer os policiais a acompanhá-la em 'atividades relacionadas' - embora sem sucesso", escreveu a polícia de Munique em um comunicado à imprensa.
A mulher foi levada sob custódia e liberada mais tarde. Dieter disse que abriria um processo por coerção sexual e privação de liberdade contra ela.

2.5.12

Concursados estiveram hoje com o Juiz Rosalino e na Promotoria.


E cobram da lês foram entregar um documento onde pedem a justiça uma solução imediata para o caso deles. Já que o prefeito Anilton Bastos vem descumprindo ordem judicial.
Receptivo, o Dr Rosalino informou que todas as providências que foram requeridas pelo Ministério público já foram tomadas. Chegou a dizer que com o descumprimento da Liminar pelo Alcaide local, ele tomará as providências necessárias, mas desde que a promotoria requeira.
Em seguida um grupo de uns 40 concursados se dirigiu ao MP para entregar uma copia da carta. Estiveram presentes o Presidente da Câmara de Vereadores, Regivaldo Coriolano e mais, Celso Brito, Ozildo Alves, Dinho e Daniel Luiz. Além de parte da imprensa local que registrou toda a movimentação.

30.4.12

Entrevista com o Vereador Celso Brito.

SÓ ENGANARAM OS URUBUS.

Em meados da década de 70, a nossa cidade era conhecida como a cidade dos urubus, devido à grande quantidade desses pássaros que aqui existiam principalmente por conta do esgoto a céu aberto que atravessava o centro urbano (Poty). De forma  não ideal (ainda exala mau-cheiro terrível) cobriram o esgoto e grande parte dessas aves foi embora, achando, talvez, que o ambiente seria definitivamente transformado  com um saneamento básico  (está sendo feito agora em marcha lenta), tornando-o inadequado para elas.
Nesta mesma época, o divertimento, embora indevido, das crianças do Bairro Amaury Alves Menezes (BNH) e de residências próximas ao aeroporto existente na área da atual Avenida Apolônio Sales era correr para o início da pista e, maravilhados, sentir a força do vento provocado pelos Boeings que aterrisavam atraídos pelos movimentos nos canteiros de obras das barragens que transformavam nossa região.  Aviões que alegravam a inocência das crianças e, em seus vôos, davam asas à esperança dos adultos no futuro do nosso município.           
Com o final das obras, até tentaram enganar os pássaros de lata, com a construção de um ninho, aeroporto grande, confortável, se comparado com o de capital como Aracaju (antes da reforma). Mas não foi o suficiente para garantir a permanência desses pássaros que se alimentam do capital financeiro que brota do desenvolvimento, e, diferentemente dos urubus, insistem em não fazer parte de um  ambiente degradado. Moral da história, já deveriam saber que um parque de exposição modelo, não é o bastante para atrair cabra, ovelha, vaca. É preciso estruturar toda cadeia produtiva. Colocando o carro na frente dos bois, não iremos transportar a nossa precária agropecuária a níveis desejados. Com a bacia hidrográfica que tem, nossa região tem tudo para ser uma bacia leiteira, chega de usar a bacia de mendigo.  Criando condições reais, os pássaros, assim como as garças, atravessarão oceanos para vir para nossa terra.
José Tenório dos Santos.

POLITICA DE COTAS (Fernando Montalvão)

O DEM é o partido clássico conservador que defende os privilégios da elite econômico-política em detrimento da grande massa, e isso o levou a questionar a política de cotas da Universidade de Brasília em ação ajuizada no STF, ADPF 186, inacolhido por decisão unânime dos Ministros de nossa Corte Maior na semana que terminou.
Na política de cotas, conhecida por cotas raciais, é reservada nas Universidades Públicas e Privadas número de vagas para preenchimento por negros, pardos e índios, tomando-se por princípio a garantia dada aos deficientes físicos nos concursos públicos que tem previsãona Constituição de 1988 que traz consigo: “A lei reservará percentual dos cargos e empregos públicos para as pessoas portadoras de deficiência e definirá os critérios de sua admissão”.
A adoção de reservas de vagas teve início no Rio de janeiro pela Lei Estadual nº. 3.524/2000, seguindo-se a Lei Estadual3.708/01. Em seguida, a UNB adotou o sistema questionado pelo DEM no STF. O Governo Federal pela Lei nº10.558/2002, conhecida como "Lei de Cotas", criou o Programa “Diversidade na Universidade”,que foi alterada pelo Decreto 5.193/2004. Além de outros diplomas legais além dos citados, se faz referencia ao Estauto da Igualdade Racial, Lei nº. 12.288/2010.
Sempre houve um sistema no Brasil de reservar o bom para poucos e a miséria para muitos, resultando uma política de empobrecimento da população menos favoerrecisas, incluindo-se ai os negros que entre os pobres são de maior percentual, quando apenas entre os mais privilegiados, 10% da população, os negros são apenas 24%.
A política de cotas nas universidades resgata a dignidade do cidadão e recompõe e corrige um processo histórico de discriminização, democratizando a sociedade e se revela como “ação afirmativa” extremamamnente importante.
Na crítica conservadora, a pollítica de cotas raciais nas Universidades Brasileiras institui o racismo e a distinção de etnias por lei, o que acabaria por acabaria por agravar o racismo no Brasil, embora já existente na forma de preconceito. Por outro lado, ao privilegiar alguns, haveria violação ao princípio da igualdade, garantia constitucional do cidadão.
De acordo com a ONU, o Brasil reduziu, nos últimos anos, as taxas de analfabetismo, pobreza, desnutrição infantil e aumentou a quantidade de anos de estudos de sua população. Ainda assim, o país ainda tem desigualdades de gênero, raça e etnia. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), cerca de 70% da população considerada pobre são negros, enquanto entre os 10% mais ricos, apenas 24% são negros.
Da Wikipédia extraio:“Ocorre também que, ao analisar o sistema de cotas, sua aplicabilidade e seus possíveis bônus ou ônus, deve-se perceber que qualquer ação afirmativa, que busca transpor as desigualdades e a igualdade material (utopicamente), deve ser aplicada por um determinado tempo, ou seja, não é um instituto que deva ser aplicado com uma finalidadedefinitiva. Juntamente a isso, há de se entender que as ações afirmativas, como o sistema de cotas, devem possuir ações conjuntas, atacando o problema desde a sua raiz, pois nenhum problema social foge da deficiência das estruturas de base, como educação, distribuição de renda, falta de oportunidade, e outros.
Os passos para o combate as desigualdades já começaram com a maior distribuição da riqueza nacional que proporcinou a ascensão à classe média de milhões de brasileiro e maior poder de consumo para os integrantes das classes “D” e “E”.Os milhões de brasileiros que ainda estão abaixo da linha de pobreza, teve seu número substancialmente reduzido.
A Política de Cotas não pode ser entendida como um fim, já que se constitui um meio para o nosso resgate histórico.
A democratização da sociedade brasileira deverá ser um resultado de: a) geração de emprego e renda; b) melhoria do ensino que é ainda é de qualidade a desejar. O fortatalecimento dado as Universidades Públicas e o aumento de vagas com instalação de novos campus ou universidades já são fatores altamento positivos.
Países como Estados Unidos da América do Norte e Córeia do Sul alcançaram nível de desenvolvimento respeitável com investimentos na educação e servem de exemplo.
Felizmente o índice de desemprego é o maior da história e não há mão de obra qualificada para atender as demandas, o que vem forçando o Brasil a importar mão de obra de outros países e repatriar grande parte de brasileiros que foram residir em outros países na busca de emprego. Nossa realidade é outra.
A revolução a fazer incluir o Brasil como Nação plenamente desenvolvida deverá ser feita na educação, a começar da base. Não se constroi uma casa pelo telhado.  O ensino médio não deverá servir para ciorrgir um ensino fundamental deficiente, como também o ensino superior não deverá servir para supriri deficiências do ensino médio, o que na prática ainda acontece.  Com a proliferação de universidades particulares no Brasil de cunho meramente mercantilista, desqualificadas, tem servido por fomentar a proliferação de cursos de prós-graduação, como a formar o profissional não formado nas Universidades.
Particularmente sou um fã fervoroso da Escola Pública e isso tem até uma razão de ser. Respeitada a nomeclatura da época, frequentei o Curso Primário na então Escola Duque de Caxias, em Jeremoabo, que era mantido pelo Governo do Estado. Fui aluno fundador do Colégio São João Batista, hoje Colégio Municipal São João Batista, também público. Depois de concluído o curso ginasial em Jeremoabo fui para o Colégio Estadual Severino Vieira, em Salvador, mantido pelo Estado da Bahia, como o próprio nome anuncia, ingressando na Universidade Federal da Bahia – UFBA, também pública-federal, onde conclui o meu Curso de Direito. Sou efetivamente um egresso do ensino público no Brasil.
Paulo Afonso, 29 de abril de 2012.
Fernando Montalvão. montalvao@montalvao.adv.br
Tit. do escritório Montalvão Advogados Associados.

29.4.12

PT adia tomada de decisão sobre estratégia eleitoral 2012.

10 de junho será a data limite para posicionamento do Partido.
Em reunião hoje, o Partido dos Trabalhadores no município de Paulo Afonso na Bahia, resolve em consenso que só definirá sua tática política para as eleições deste ano, no dia 10 de junho. A solução foi encontrada por todos porque, mesmo que houve decisão hoje, o resultado ainda poderia ser mudado na convenção que ira ser realizada.
Havia duas propostas, anteriormente inscritas. Uma era a de que o Partido deveria fazer coligação com partidos da base aliada aos Governos Wagner e Dilma. A outra era a de candidatura própria do Partido.
Nos últimos dias houve uma intensa mobilização, com reuniões e emissários em uma tentativa de um grupo convencer ao outro de sua proposta. Mas para quem conhece o PT, isto pouco tem resultado pratico. Já que os grupos tomam decisões muito tempo antes dos encontros.
O ex-prefeito Zé Ivaldo foi quem apresentou a proposta de conciliação entre as tendências do Partido. Ele propôs que, como a decisão de hoje poderia não ser a definitiva, então se esperasse ate o dia 10 de junho para que fosse tomada a decisão final. Com isso, ele conseguiu hoje, que por enquanto o partido continue unido na busca de uma solução que contente a todos. O que não é fácil dentro do PT.

Ministério Público pede intervenção no município de Paulo Afonso na Bahia.


O Ministério Público da Bahia  requereu intervenção no município de Paulo Afonso-Bahia, por descumprimento de decisão judicial e  o prefeito que insiste em não nomear os  concursados está na berlinda de perder o emprego, bem como se a oposição resolver, pode decidir pelo pedido de cassação do mesmo.
Também  foi proposta pelo Ministério público da Bahia uma ação penal por crime de improbidade, cujo despacho e movimentação estão em anexo, como  é cediço, contra o prefeito existem vários procedimentos instaurados no MP-Ba e são várias as denuncias por malversação do dinheiro público, contratação irregular, licitação duvidosa e etc.
Vejam os documentos anexos e doravante que não se alegue mais que não existe como provar que o prefeito não responde por CRIME DE IMPROBIDADE e DE QUE NÃO FOI PEDIDO A INTERVENÇÃO NO MUNICIPIO.
Cabe agora a oposição COM DIGNIDADE, enquanto ainda da tempo, solicitar  A CASSAÇÃO DO PREFEITO  através da constituição da comissão processante, pois é isto que diz o regimento interno da câmara e a Lei Orgânica do Município.
O Movimento Nacional de Combate a Corrupção no Brasil, está adotando providencias para que o caso não saia impune levando inclusive ao conhecimento da presidência Nacional do partido do prefeito e da Presidência da república para que mande determinar a investigação federal, no âmbito dos possíveis crimes federais. (Cecílio Matos)
Ainda segundo o vereador Daniel Luiz a ação se deve a um pedido seu que teria sido feito junto ao Tribunal de Justiça da Bahia.
Links onde podem ser ecnontrados os documentos. 01 - 02 - 03.

DEGRADAÇÃO AMBIENTAL NAS ÁGUAS DO VELHO CHICO.

Há tempos, convivemos com cenas degradantes as margens do Rio São Francisco, precisamente nas áreas que compreendem os bairros Jardim Bahia e Prainha, onde diariamente é despejado in natura grandes quantidades de dejetos humanos e outros resíduos de origem duvidosa, completando assim um ciclo de degradação ambiental no local resultando-se assim num ciclo de infecção dos recursos hídricos existentes naquele local que posteriormente servem para o consumo humano e outras demandas mais.
Que podemos fazer então para mitigar esses impactos que todos os dias acontecem naquela região, se o processo de tratamento que está por acontecer em breve na cidade não for contemplado para aqueles bairros?
Senão, pelo menos devemos realizar uma conscientização coletiva para nossas autoridades numa busca para uma solução imediata no sentido de evitar ainda mais a agressão ao Rio São Francisco.
Já há impactos nítidos naqueles locais, onde o teor de pureza e da potabilidade da água está comprometido, sem contar que a qualidade dos peixes encontrados estão abaixo do esperado para o consumo humano.
Há de se planejar imediatamente a coleta final destes resíduos nessas localidades, pois, a degradação ambiental já pode ser vista de forma natural e quem irá arcar com esses impactos gerados pela falta de compromisso das instituições serão as futuras gerações.
Silvano Wanderley – Mestrando em Gestão e Auditoria Ambiental / Ambientalista
.

Em encontro, PT aprova Moção de Apoio aos Concursados de Paulo Afonso.

E pede o cumprimento do que a justiça determinou.

MOÇÃO DE APOIO
O Partido dos Trabalhadores, com sede na cidade de Paulo Afonso na Bahia, reunido em encontro convocado pela executiva municipal, no dia 29 de abril de 2012, na cidade de Paulo Afonso, manifesta seu total apoio a imediata nomeação das pessoas aprovadas no Concurso Público realizado pela Prefeitura Municipal no ano de 2008, e defende a manutenção do estado de direito sem a quebra da normalidade institucional provocada pelo descumprimento da liminar em que a justiça determina a convocação de todos.
Atenciosamente,
Partido dos Trabalhadores.