22.12.17

O ex-presidente Lula visitou pela primeira vez parte do acervo presidencial.


O ex-presidente Lula visitou ontem pela primeira vez parte do acervo presidencial guardado em um galpão do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.


Os presentes estavam bloqueados por ordem do juiz Sérgio Moro desde março de 2016.

Acompanhado do presidente do Instituto Lula, Paulo Okamotto, e de um escrevente do 4º Tabelião de Notas de São Bernardo do Campo, Lula rompeu o lacre do depósito e reencontrou lembranças e presentes recebidos durante seus dois mandatos à frente da Presidência.

São centenas de caixas acumuladas entre 2003 e 2010, que abrigam milhares de cartas, livros, faixas e souvenirs recebidos em viagens da presidência pelo Brasil e pelo mundo. "Se juntar todos os presentes recebidos por JK, Getúlio, Collor e FHC... Se juntar todo mundo, não vão superar o tanto de lembranças que recebi em oito anos", disse Lula, impressionado com o volume de caixas arquivadas no local. Ao todo, o acervo possui mais de 9 mil itens.

Foto: Ricardo Stuckert

Nenhum comentário: