8.5.19

Policiais militares coíbem poluição sonora no município


 

Além da apreensão de uma caixa de som, as guarnições policiais encaminharam à delegacia local José Cláudio Fidelis, acusado de desacato.

Guarnições da 5ª Companhia do 20° Batalhão da Polícia Militar (BPM/Paulo Afonso) apreenderam, na madrugada desta terça-feira (7), em Glória – município localizado na região Norte do estado, a 444 quilômetros de Salvador – uma caixa de som, pertencente a José Cláudio Fidelis, 25 anos.

A denúncia do barulho foi feita por vizinhos de Fidelis, através do Centro Integrado de Comunicação (CICOM), e ele foi encaminhado à delegacia territorial local não só pela poluição sonora que estava produzindo, como também por ter desacatado os policiais militares.

Fidelis realizava uma festa em casa, quando policiais solicitaram que diminuísse o volume do som, devido ao horário impróprio. Não aceitou às determinações e reagiu, ofendendo a todos.

Na delegacia de Glória, foi autuado em flagrante por desobediência, desacato e perturbação do sossego, sendo liberado logo em seguida, após pagamento de fiança.

O delegado titular de Glória, Marco Antônio Barcelar explica que Fidelis chegou menos exaltado na delegacia. “Ele estava ciente que tinha desacatado a PM”, frisou.

De acordo com o tenente-coronel do 20° BPM, esses casos de poluição sonora incomodam a população. “A Polícia Militar desenvolve a operação “Tolerância Zero”, justamente, para coibir essa prática danosa a paz social.

Foto: Divulgação SSP

Nenhum comentário:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial