8.2.22

Estado investe mais de R$ 61 milhões em tecnologia para as unidades de Educação Profissional e Tecnológica

Com o objetivo de potencializar a prática de ensino e o aprendizado dos estudantes da rede estadual de ensino, o Governo do Estado, por meio da Secretaria da Educação (SEC), adquiriu 15 mil chromebooks e 4.914 computadores, que estão sendo distribuídos para os Centros Estaduais e Territoriais de Educação Profissional (CEEPs e CETEPs) e os colégios que ofertam a Educação Profissional. A iniciativa contou com o investimento total de R$ 61.104,472 milhões.

Os computadores contemplarão 234 unidades escolares, com o investimento de R$ 19.854.472 milhões. Já os chromebooks serão destinados a 416 escolas, com o investimento de R$ 41.250.000 milhões. Mais de 80% dos computadores já foram entregues e já estão sendo utilizados pelos estudantes nos laboratórios de informática. Os chromebooks ficarão disponíveis para uso nos chamados "espaços tecnológicos" das escolas contempladas. Até o momento, já foram entregues 5.710 chromebooks. Trata-se de notebooks que funcionam usando o sistema operacional do Google, o Chrome OS, e o principal atrativo é ser bem mais leve que os sistemas operacionais disponíveis no mercado. 

O superintendente da Educação Profissional e Tecnológica do Estado, Ezequiel Westphal, falou que os equipamentos qualificarão ainda mais os cursos ofertados. "A aquisição de novos computadores e chromebooks moderniza o parque tecnológico das unidades escolares ofertantes da Educação Profissional e Tecnológica, que passam a contar com laboratórios de informática avançados e bem equipados, nos quais os estudantes podem desenvolver melhor as atividades pedagógicas e de prática profissional em seus respectivos cursos. Já os chromebooks, que são equipamentos móveis, vão possibilitar cada vez mais aos estudantes o acesso à inclusão digital e a ambientação às novas tecnologias".

Conectividade nas escolas - Segundo o assessor de Planejamento e Gestão da  SEC, Matteus Martins, todas as escolas receberam recursos ou um link contratado diretamente pela SEC para acesso à internet de banda larga. "A Secretaria da Administração e a Casa Civil estão finalizando a licitação de equipamentos para a implantação de rede lógica interna. Após a conclusão desta licitação da Rede Governo IV, a SEC qualificará a estrutura de distribuição de internet nas escolas, com equipamentos modernos de alta qualidade", informou. 

Matteus também destacou que o esforço da SEC para assegurar internet nas escolas fez a gestão abrir duas frentes: enviando recursos para as escolas que optaram por contratar diretamente ou contratando através da Rede Governo IV conectividade de 100 megas para as unidades escolares. "Acreditamos que os processos de aprendizagem serão ampliados e qualificados, dando continuidade a todo acúmulo aprendido no período de ensino remoto. Para a Educação Profissional essa conectividade e os laboratórios práticos se somarão para elevar a produção do conhecimento".

Foto: Manu Dias/GOVBA.

Nenhum comentário: