15.3.22

Zona rural de Miguel Calmon contará com unidade de beneficiamento de vegetais

De olho no mercado e para ampliar a possibilidade de comercializar os produtos da agricultura familiar, o Governo do Estado está implementando na zona rural do município de Miguel Calmon, uma unidade de beneficiamento de vegetais. Lá, alimentos frescos serão minimamente processados. Frutas, verduras e hortaliças selecionadas, higienizadas, picadas e embaladas, estarão prontas para serem consumidas. 

São R$3,6 milhões investidos pela Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), por meio do Bahia Produtiva, projeto executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), na Cooperativa de Produção Agropecuária de Lagoa de Dentro e Região da Serra. A estimativa é que a unidade esteja pronta no segundo semestre deste ano de 2022, beneficiando agricultores de toda a região.

O diretor-presidente da CAR, Wilson Dias, explica que o investimento foca em um mercado crescente, que são os produtos semipreparados para o cozimento. “Está sendo demandado, cada vez mais, produtos embalados à vácuo, congelados, tanto frutas quanto verduras, que podem ser hoje porcionados pelos grandes consumidores das regiões metropolitanas com menos trabalho possível. Esse consumo está se ampliando muito. Antenado a isso, esse projeto está se preparando para atender esse mercado”. 

A Coopal já recebeu máquinas e equipamentos, um trator com implementos agrícolas, que já está sendo usado na preparação do solo para o plantio, e as 85 famílias diretamente ligadas à cooperativa estão sendo assistidas com assistência técnica e extensão rural (Ater). 

Para o presidente da Coopal, Werlen Veloso, a expectativa é grande na região: “Vai gerar emprego, não só na roça, mas na agroindústria e, também, vai dar uma levantada em nossa comunidade. Pra gente é um sonho que está sendo realizado. 

Nenhum comentário: