20.3.22

Com 100 dias de inaugurado, Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio apresenta número expressivo de atendimentos

Aos nove meses de gravidez, Amanda Santos Novaes será mais uma mulher a dar à luz no Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio, em Ilhéus. O seu parto se somará aos quase 700 que a unidade realizou em pouco mais de 100 dias de funcionamento. O pequeno Carlos Felipe nascerá neste sábado (19), dia em que a secretária da Saúde do Estado, Adélia Pinheiro, fez uma visita técnica à unidade.

Em sua inspeção, a Secretária percorreu todos os setores do Hospital, como centro-cirúrgico, enfermarias, quartos PPP (pré parto, parto e pós parto), emergência e bioimagem. “São pouco mais de cem dias com números expressivos de atendimento e podemos qualificar cada vez mais a assistência e fluxo de atendimento aos pacientes”, afirma Adélia Pinheiro. A titular da pasta destacou que essa proximidade da gestão auxilia vencer os desafios.

Inaugurada pelo Governo do Estado no dia 6 de dezembro de 2021, além dos 700 partos, no âmbito da emergência, o HMIJS realizou 2.130 atendimentos a gestantes sob demanda espontânea e 987 crianças. Setenta e oito bebês foram internados na UTI Neonatal, tendo como principais causas, a prematuridade e o baixo peso.

Para apoio diagnóstico, foram realizados 6.273 exames laboratoriais e de imagem, incluindo ultrassonografia, raio-X e tomografia. Garantindo a imunidade contra doenças prevalentes, 815 bebês e 289 funcionários foram vacinados.

Mesmo sendo referência para 20 municípios das regiões de saúde de Ilhéus e Valença, neste período de funcionamento, o hospital atendeu pessoas residentes de 64 municípios, sendo 53 do estado da Bahia e 11 de outros sete estados brasileiros.

“Fiz meu pré-natal em um posto de saúde, mas precisei de um atendimento aqui quando estava no meu sexto mês e aprovei. Agora é a hora de ter meu primeiro filho aqui e por toda a estrutura e profissionais, acredito que dará tudo certo”, comemora Amanda Santos Novaes.

 

UPA 24h

Com 95% das estruturas concluídas, a UPA 24h que está sendo construída pelo Governo do Estado em Ilhéus deve ser inaugurada ainda no primeiro semestre deste ano. A obra, que conta com investimento de cerca de R$5,4 milhões, foi verificada pela secretária Adélia Pinheiro.

A unidade contará com atendimento adulto e pediátrico, raio-X, eletrocardiografia, laboratório de exames e leitos de observação. Além disso, a unidade prestará o primeiro atendimento aos casos de natureza cirúrgica e de trauma, estabilizando os pacientes e realizando a investigação diagnóstica inicial, de modo a definir, em todos os casos, a necessidade ou não de encaminhamento aos serviços hospitalares de maior complexidade.

Foto: Leonardo Rattes/Saúde GovBA.

Nenhum comentário: