Dimas Roque: USINA NUCLEAR EM PAULO AFONSO?

9.3.10

USINA NUCLEAR EM PAULO AFONSO?

Começa a ventilar pelo o nosso município de Paulo Afonso, a possível instalação de uma Usina Nuclear, claro que o assunto precisa de um debate amplo, com todos os segmentos da sociedade local, diferentemente do que esta acontecendo com a estadualização do HNAS, discutir seus benefícios e os ônus para a população local e seu ecossistema, pois pela a grandiosidade e gravidade do assunto, não pode ser tratados como queria na década de 80, transforma esta região em um depósito de lixo atômico, do Césio 147 de Goiânia – GO. Aqui temos um complexo Hidrelétrico que gera energia para praticamente todo o nordeste, com exceção do estado do Maranhão, que é abastecido pela Usina de Tucuruí - PA – Eletronorte, e mesmo com toda esta importância estratégica, nossa região é carente de políticas públicas, tanto do governo do Estado como Federal, não temos aqui uma Universidade Federal, a saúde vai mal, o turismo não é levado a sério, não temos vôos regulares para a capital do estado e o centro sul do país e outras carência, que é público e notório para qualquer cidadão de Paulo Afonso. Sendo assim se somos um parque energético hidráulico e podemos também passar a ser um nuclear, podemos até aceitar uma Usina Nuclear em Paulo Afonso, desde que venha acompanhada de desenvolvimento social e econômico, e vou um pouquinho adiante, tendo instaladas Usinas Hidrelétricas e Nuclear, devemos nos torna uma área de segurança nacional, não nos padrões do período da ditadura militar, mas tornando-se um Território Federal, temos uma população superior a 100 mil habitantes, sendo assim, teríamos logo o direito de eleger 4 deputados federais, sim, estes parlamentares seriam representantes do território, a União, leia-se Governo Federal, teria que custear as despesas com Polícia Militar, Polícia Civil, Bombeiros, Saúde e Educação, como ocorre com o Distrito Federal, a grande reivindicação dos Policiais, que desejam igualar seus vencimentos aos Policias do DF, seria assim cumprida, além disso seria criado um Tribunal de Justiça, especifico para o Território, de 1ª e 2ª instância, imagine que em nossa região além de Juízes de primeiro grau, teríamos juízes de segundo grua, como os desembargadores, que existem nas capitais dos estados da federação, ao invés de uma Câmara de Vereadores seria criado uma Câmara Territorial, equivalente a uma Assembléia Legislativa, e um Governador indicado pelo Executivo, Usina Nuclear, sim, MAS com a criação do Território Federal de Paulo Afonso, finalmente teríamos a nossa importância reconhecida, altos investimentos, vôos regulares pelo menos para Brasília, e, de lá partiríamos para qualquer lugar deste país, e vários outros benefícios seriam incorporados, e quanto aos perigos de uma Usina Nuclear em nosso quintal, hoje o grau de conhecimento sobre este assunto está bem elevado, temos Angra dos Reis e até hoje não ouvimos fala em nenhum acidente nuclear, o que o ocorreu em Chenobil, antiga União Soviética, foi o caos de um sistema que estava falido, sem investimentos em manutenção e aplicação de recursos no desenvolvimento de novas tecnologias, sem estes recursos, até uma inofensiva Usina Hidrelétrica passa a ser um perigo, como ocorreu no Governo Federal da década de 90, que esta sucateando as empresas públicas, inclusive a CHESF para vender a preço de banana . E antes que alguém mim chame de louco ou separatista, quero informar que tudo isso esta escrito na Constituição da República Federativa do Brasil de 1988, então não estou inventando nada, só as organizei.

Nonato Melo

RG 645653942 - BA

Nenhum comentário: