18.3.22

Entregas para agricultura familiar vão gerar renda para agricultores familiares de Tapiramutá

A agricultura familiar de Tapiramutá, no Território Piemonte do Paraguaçu, recebeu mais investimentos do Governo do Estado, anunciados nesta quarta-feira (16), no município. São ações que vão gerar emprego e renda na região.

Em parceria com a prefeitura, o governador Rui Costa entregou, oficialmente, uma Estufa Agrícola para produção de mudas de frutas cítricas, diversificando atividade econômica sustentável para mais de 100 famílias de agricultores familiares da comunidade de Poço Bonito.

A obra foi coordenada pela Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), por meio da Companhia de Desenvolvimento e Ação Rural (CAR), e vai garantir o cultivo de qualidade em ambiente protegido e gerar uma receita de R$ 2 milhões para a agricultura familiar.

Segundo o secretário de agricultura de Tapiramutá, Euclides Gomes, já tem 10 pessoas trabalhando na produção de mudas, produzindo 15 mil mudas. “O viveiro tem capacidade de 100 mil mudas por ciclo, 200 mil por ano. São mudas de pokan, laranja e maracujá. Uma ação de fortalecimento da agricultura familiar, que vamos atender em torno de 350 agricultores, gerando uma renda de até 3 mil reais por hectare plantado e de 700 a mil empregos. É renda para Tapiramutá e região. Um projeto autossustentável”.

Outro investimento, por meio da SDR/CAR será na unidade de processamento de leite do município. O governador visitou o empreendimento e autorizou o órgão a requalificar a unidade com a aquisição de equipamentos para produção de queijos finos.

O chefe de gabinete da SDR, Jeandro Ribeiro, explica que a meta é colocar o laticínio, localizado nas instalações da antiga indústria cidadã, em funcionamento. “Vamos equacionar a gestão do empreendimento. Em parceria com a Coopag e a prefeitura, vamos fazer um investimento de R$760 mil para aquisição de equipamento e caminhão, gerando 150 empregos na base de produção. Tamiramutá é uma bacia leiteira importante da Bahia, produz cerca de 16 mil litros de leite dia e o laticínio tem total viabilidade para funcionar”. 

Nenhum comentário: