31.5.17

Bolsonaro, só no retrovisor.


Nenhum comentário: