22.3.20

Creasi estabelece medidas de proteção ao seu público idoso



O Centro de Referência Estadual de Atenção à Saúde do Idoso (Creasi), unidade da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (SESAB), atende pacientes idosos, frágeis e com risco de fragilização, reforça medidas de prevenção para oferecer mais segurança aos seus usuários, como a proibição da entrada de crianças e adolescentes, redução do número de acompanhantes, gerenciamento de pacientes, reformulação do atendimento da Farmácia e suspensão das atividades em grupo.

Desde fevereiro, a Unidade vem desenvolvendo atividades educativas para conscientização do público sobre o "Coronavírus", a "importância da lavagem das mãos" e a "etiqueta da tosse". "A medida que o quadro do Coronavírus evoluía, intensificamos as ações e inserimos  estratégias cada vez mais lúdicas, com paródias e encenações", salientou Flávia Simões, coordenadora de Ambulatórios Especializados. Para os servidores, ações educativas também foram desenvolvidas, como a importância e uso correto dos EPIs.


No início de março, o Centro ampliou a quantidade de dispenser de álcool gel, fixando sinalização especial e orientações de como realizar a higienização, implementou a utilização de papel film nos teclados e mouse dos computadores comunitários. Além disso, reestruturou o leiaute das praças, onde os pacientes aguardam para o atendimento. Os assentos foram intercalados, com fita de isolamento e aviso informando que o afastamento é para a segurança de todos. "Ficou muito bom! Está até mais espaçoso", disse Dona Valdira Mercês, de 70 anos, que compareceu à Unidade para receber medicamento.

Foram suspensas, por tempo indeterminado, as atividades de pesquisa em grupo, a realização de visitas técnicas, sessões de atualização e matriciamento. Além disso, foi estabelecida a proibição da entrada de crianças e adolescentes, a redução do número de acompanhantes, para apenas 1 (um) e a aferição da temperatura na entrada da Unidade. "O idoso é grupo de risco para o Covid-19. As pessoas idosas atendidas no Creasi são frágeis, com doenças crônicas. É imprescindível a adequação do atendimento e implementação destas medidas", salientou a médica geriatra Dra. Mônica Hupsel Frank, diretora do Centro.

A Unidade também está realizando o gerenciamento dos pacientes com o objetivo de que a pessoa idosa só compareça à Unidade quando a questão de saúde exigir a sua presença. Na Farmácia, que fornece medicamentos do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica (CEAF), o atendimento foi reformulado e otimizado. Seguindo as orientações da SESAB, a dispensação dos medicamentos, quando possível, está sendo realizada para até 3 meses.

Nenhum comentário: