4.8.17

Lula Marques se defende de acusação do deputado da Tattoo, Wladimri Costa.


Hoje, fui surpreendido com a notícia de que o deputado Wladimir Costa não iria me processar pelas fotos que fiz dele ontem no plenário porque, segundo ele, foi tudo combinado e ele ainda teria pago R$ 500,00. Pois é, acreditem! Morri de rir quando soube! 

Depois de 41 anos de fotojornalismo, sei que tem muito político que não gosta de mim. Desagradei vários, inclusive, presidentes da República. A ética e o respeito ao leitor são a minha base para fazer fotojornalismo. Eu sou os olhos do leitor e tenho compromisso com a verdade. A veracidade das minhas fotos nunca foi contestada. 

“Excelência”, deixe de ser mentiroso. Eu jamais faria um serviço fotográfico desses, ainda mais para um deputado golpista, machão e bufão como você. Eu tenho respeito profissional e jamais aceitaria participar de uma armação fotográfica. “Vossa Excelência”, você não tem noção do valor de um profissional e acha que qualquer um se vende, como muitos deputados para salvar o presidente golpista? Fique sabendo que nem se me oferecesse os R$ 7 milhões em emendas que dizem que você recebeu, eu não aceitaria para fazer essas fotos. Quero respeito!

Diante do que o deputado falou ao site Poder 360, vou consultar meus advogados para um possível processo por calúnia e difamação. Não vou deixar minha imagem ser arranhada dessa forma.

Por Lula Marques.

Nenhum comentário: