25.8.17

Em rádio, Lula fala sobre a possibilidade de uma Frente Ampla ou uma Frente Popular para as eleições de 2018.


Durante entrevista agora pela manhã em Rádio Comunitária Universitária na cidade do Recife em Pernambuco, o ex-presidente Lula falou sobre os caminhos da esquerda para as próximas eleições. Perguntado se sua candidatura seria de uma Frente Ampla ou através de uma Frente Popular, ele disse que uma candidatura “sozinho não ganha eleição e sozinho não se governa”. No Brasil, o candidato precisa ter 50% mais 1 voto daqueles que forem as urnas.

Lula deixou claro que não se pode ter 30% dos votos sozinhos e perder a eleição. Ele lembrou o que disse ao PT – Partido dos Trabalhadores, que depois de perder eleições sucessivas, precisaria fazer coligações com os outros 20%. E isto aconteceu quando procurou José Alencar, mineiro do meio empresarial. Foi assim que ganhou a primeira eleição.

“Se eu ganhar e tiver 10 senadores e 70 deputados eu vou ficar refém”. Disse Lula.

Quando o PT foi criado, o ex-presidente achava que trabalhador votava em trabalhador. Mas a realidade não foi bem essa. Na pratica ele descobriu que a classe que o Partido veio para defender, também votava na direita e elegia um congresso conservador.

Nenhum comentário: