6.8.21

Técnicos do ministério do turismo estão visitando a região



As cidades de Paulo Afonso e Glória no sertão baiano são atrativos naturais para turismo brasileiro. Esta constatação não é de agora, é de muito tempo. Do tempo em que Dom Pedro II visitou as Cachoeiras de Paulo Afonso no dia 08 de outubro de 1859.

O Imperador em suas andanças esteve do lado Alagoano para contemplar as belezas da cachoeira. Ele se encantou tanto com o que viu que fez algumas pinturas e reconheceu que nenhuma delas retratava a beleza que seus olhos tinham visto.

O turismo não região, como disse o prefeito de Glória ao repórter Antônio Carlos Zuca, Davi Cavalcate (PP), “deve ser regionalizado”. Ele lembra que não adianta como já mostrado na pratica, a individualidade de que cada gestor no trato do turismo. É preciso que as cidades trabalhem como se fossem uma só.

O potencial dos atrativos turísticos é enorme. Poucas regiões no Brasil têm a oferecer na natureza, na religiosidade, no turismo rural e histórico, como tem as duas cidades. Transformar isto em algo a ser consumido em grande escala não basta ter boa intenção, é preciso muito investimento.

Davi se disse esperançoso com a visita e lembrou o potencial econômico do turismo na região. A cidade tem atrativos turísticos já consolidados e é, na região, um mercado consumido por aqueles que a visitam.

 

Nenhum comentário: