28.8.21

Em Santana, Seplan atualiza Agenda Territorial da Bacia do Rio Corrente



Pedra fundamental da segunda Fazenda Escola Modelo também é lançada no município

Dez municípios que compõem o Território de Identidade Bacia do Rio Corrente debateram o desenvolvimento da região com o vice-governador João Leão, secretário do Planejamento, nesta sexta-feira (27), no município de Santana. O encontro faz parte da atualização do Plano de Desenvolvimento Territorial Sustentável, do Governo do Estado, coordenado pela Seplan no âmbito da Agenda de Desenvolvimento Territorial (AG-Ter).

“Estamos fazendo a escuta de demandas para assim propor ações. É um importante trabalho coletivo que visa desenvolver os territórios, entendendo suas necessidades e potencialidades para então conseguir, de forma planejada, alavancar as cidades. Além disso, tivemos a oportunidade de lançar a pedra fundamental de mais uma Fazenda Escola. E temos planos de implantar mais quatro: nos municípios de Ibotirama, Paratinga, Angical e Iuiu. Vamos transformar as regiões baianas por meio da educação, práticas sustentáveis, integração das gestões públicas e do empresariado, capacitação profissional e formação de pessoas”, declara Leão.

“Discutir o desenvolvimento territorial em parceria com o Governo do Estado é a certeza de que temos o apoio que precisamos para evoluir juntos. Sairemos dessa reunião com as demandas da região, levantadas pelos prefeitos, principalmente em relação a investimentos em obras estruturantes, voltadas para o escoamento da produção, na certeza de que os projetos não só de Santana, mas de toda Bacia do Rio Corrente vão transformar a vida de muitos baianos”, falou o prefeito Marcão.

Além do anfitrião, o prefeito de Santana, Marcão, o evento contou com os gestores e representantes dos municípios de São Felix do Coribe, Brejolândia, Canápolis, Coribe, Correntina, Jaborandi, Santa Maria da Vitória, Serra Dourada e Tabocas do Brejo Velho. A comitiva da Seplan visitou ainda produtores de soja, milho, mamão e algodão da região.


Fazenda Escola Modelo

A Fazenda Escola Modelo, em Barra, primeira com práticas de irrigação e agroindústrias, que servirá como suporte de formação, capacitação profissional e de experiência para o Polo Agroindustrial e Bioenergético do Médio São Francisco, não será mais a única na região. É que o vice-governador João Leão, titular da Seplan, e o prefeito Marcão, lançaram a pedra fundamental da segunda Fazenda Escola Modelo, que será implantada no assentamento Jacarandá. Entre os principais pilares do projeto está a integração de educação, agronegócios, cooperativismo e desenvolvimento socioeconômico.

Nenhum comentário: