26.11.17

Militância Petista vai a guerra por Gleisi.

A procuradora geral da república, Raquel Dodge, na sexta-feira pediu a condenação da Presidenta do Partido dos Trabalhadores, Gleisi Hoffmann. Segundo a denúncia, a Senadora teria desviado R$ 1 milhão através de esquema que envolve a Petrobrás. Ela nega que tenha participado de qualquer esquema de desvio de dinheiro, quer seja na Petrobrás, ou em qualquer outra empresa.

Surpresa com o movimento da procuradora geral, a militância petista não deixou barato e foi as redes sociais cobrar que sejam apresentadas as provas do suposto crime. É que até o momento o que se tem é a palavra de um delator contra Gleisi. Nenhuma prova material, que possa ser usada contra a senadora, foi mostrada até o momento.

A estranheza causada pela ação da procuradora sucinta, entre os militantes, o questionamento de que, para petistas não se precisa ter prova material, basta que alguém acuse e logo a acusação se transforma em processo e pedido de condenação. Basta ser Petista para ser acusado. O mesmo não acontece com membros do PSDB, DEM, PP, e demais partidos que tem parlamentares denunciados por envolvimento em escândalos financeiros. Muitos deste com provas documentais e vídeos que comprovariam o crime.

Para denunciar, o que eles chamam de politização da justiça, a militância do partido dos trabalhadores, na noite de ontem, 25, conseguiu colocar a hashtag, #MexeuComGleisiMexeuComigo como um dos assuntos mais comentados nos trends topics do Brasil. Ficando em primeiro lugar entre ás 20h e 21h. O que é um feito considerável. Já que disputou diretamente com o #América, time mineiro que ontem se sagrou Campeão da segunda divisão.

A guerra para manter o assunto Gleisi no topo foi grande. Além de postarem Cards com fotos e frases da senadora. De terem frases e referências positivas em referência a parlamentar, a guerrilha virtual petista deu um banho de educação naqueles que apareceram para provocar. Esses, em sua imensa maioria já chegavam derrotados na guerra virtual. Eles postavam termos em sua maioria agressivos, eivados de ódio e sem uma justificativa plausível. A impressão que teve foi a que muitos especialistas já identificaram, soltaram os bichos e está difícil de controlar essa odiosidade reinante no Brasil nestes tempos.


Para os petistas, se há crime, que se apresentem as provas, porque eles não admitem que a justiça esteja sendo usada para se praticar a injustiça no país.

Nenhum comentário: