7.6.17

Prêmio CNMP - Projeto “Nascentes do São Francisco - O MP Salvando Rios” é finalista na categoria “Transformação Social”.

O Dia Mundial do Meio Ambiente (05) começou com uma notícia boa para o Ministério Público de Sergipe. Nesta segunda-feira, o Projeto-piloto “Nascentes do São Francisco - O MP Salvando Rios”, desenvolvido pelo Centro de Apoio Operacional de Proteção ao Rio São Francisco e Nascentes, ficou entre os três finalistas no Prêmio CNMP 2017.

O Projeto Ministerial tem o intuito de promover o aumento da quantidade e qualidade da água, através da recuperação e preservação das Áreas de Preservação Permanente (APPs) e Áreas de Reserva Legal (ARLs) nas propriedades rurais do Estado de Sergipe. 

É uma iniciativa destinada a fomentar uma política pública permanente nos municípios sergipanos para, em conjunto com a sociedade civil, especificamente, com os proprietários rurais, ser realizada a gestão solidária e harmônica das Florestas e dos Recursos Hídricos.

“Estou muito feliz em ver o Projeto ‘Nascentes do São Francisco’ como finalista. Não só pelo reconhecimento do trabalho desenvolvido, mas, principalmente, pela visibilidade e possibilidade de replicação por outros Estados. A água é um bem essencial à vida e só teremos esse precioso recurso hídrico se conservamos e recuperarmos nossas florestas e matas ciliares. Agradeço a todos os parceiros do Projeto (EMDAGRO, SEMARH, Codevasf, Chesf, UFS, ANA, INCRA e Sergipetec), em especial ao Comitê da Bacia Hidrográfica do São Francisco – CBHSF pelo financiamento do reflorestamento, e ao  Município de Canindé de São Francisco pelo pagamento por serviços ambientais”, disse a Promotora de Justiça e Diretora do CAOpSFN, Dra. Allana Rachel Monteiro Batista Soares Costa. 

Para o Procurador-Geral de Justiça Dr. José Rony Silva Almeida é uma honra muito grande para o MP de Sergipe ter um Projeto finalista e reconhecido como uma boa prática pelo Conselho Nacional do Ministério Público. “Estamos muito felizes pela classificação do nosso Projeto. Um trabalho feito por uma equipe dedicada e que conta sempre com o apoio irrestrito da Procuradoria-Geral de Justiça. Todos estão de parabéns”.

Prêmio CNMP

O Prêmio CNMP foi criado para dar visibilidade aos programas e projetos do Ministério Público Brasileiro que mais se destacaram na concretização e alinhamento do Planejamento Estratégico Nacional.

Em 2017, os projetos concorrem em nove categorias: Defesa dos Direitos Fundamentais, Transformação Social, Indução de Políticas Públicas, Redução da Criminalidade, Redução da Corrupção, Unidade e Eficiência da Atuação Institucional e Operacional, Comunicação e Relacionamento, Profissionalização da Gestão e Tecnologia da Informação.

Este ano foram cadastrados no Banco Nacional de Projetos – BNP, 1.449 iniciativas bem sucedidas do Ministério Público Brasileiro, sendo que, 1.077 estão concorrendo ao Prêmio CNMP 2017. O Prêmio vem crescendo ao longo dos anos e, pela primeira vez, desde 2012, quando a premiação foi criada, há a participação dos quatro ramos do Ministério Público da União (MPU) e de todas as unidades estaduais do MP.

Nenhum comentário: