Dimas Roque: Semana do Meio Ambiente destaca protagonismo da juventude

5.6.19

Semana do Meio Ambiente destaca protagonismo da juventude



O protagonismo da juventude com as questões socioambientais marcou o segundo dia da Semana do Meio Ambiente, realizado na terça-feira (4), no Instituto Anísio Teixeira (IAT), em Salvador. Por meio de oficinas, seminários e rodas de diálogos, estudantes da rede pública de ensino debateram a relação do meio ambiente e a juventude e de que maneira eles podem compartilhar saberes e práticas ambientais.

E foi como bem ressaltou a jovem Natália Mostarda, no primeiro dia do evento. "Queremos formar jovens conscientes de seu impacto social e ambiental, capazes de participar das decisões que podem impactar as suas comunidades. Não somos o futuro, somos o agora e precisamos estar atuantes na mudança que queremos para o nosso planeta”, destacou Natália, que é a representante do Engajamundo, organização de liderança jovem que conta com mais de 1.500 jovens nos 27 estados do Brasil.

Para o secretário estadual do Meio Ambiente, João Carlos Oliveira, o meio ambiente é uma preocupação urgente, que deve ser pensada hoje na perspectiva de uma ação efetiva de formação de uma consciência de preservação ambiental. "A Semana do Meio Ambiente tem o objetivo de sensibilizar aqueles que podem fazer algo diferente, e o jovem é um ator social importante para colocarmos em práticas as ações socioambientais".

"Falamos aqui em sair um pouco do pensar e partir mais por agir. De pequenas ações do dia a dia que podem fazer grandes diferenças. Que a gente possa replicar sempre ações positivas que proporcione um ambiente mais equilibrado e justo para todos", pontuou a diretora-geral do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), Márcia Telles.

Também fazendo parte da programação do evento, o Seminário Meio Ambiente em Prática apresentou a pluralidade de ações na gestão ambiental nas áreas de gestão de recursos hídricos, monitoramento de cobertura vegetal, licenciamento ambiental, resgate de animais silvestres, e cadastro estadual florestal de imóveis rurais. A Semana do Meio Ambiente segue até a próxima sexta-feira (7), com diversas atividades relacionadas ao tema, promovidas pelas secretarias estaduais do Meio Ambiente e de Educação, além do Inema.

Juventude e Meio Ambiente

O coletivo Jovem pelo Meio Ambiente foi um exemplo de práticas de grupo de jovens que trabalha com a reinserção da juventude nas decisões políticas ambientais. De acordo com Daniela Rabelo, membro do coletivo no município de Adustina, o grupo vem buscando parcerias para trabalhar nesse sentido da questão ambiental, nas escolas e fora do ambiente escolar. "Queremos conquistar novos espaços para poder decidir quais as políticas públicas que queremos para a juventude e o meio ambiente. Sabemos que os jovens ainda estão um pouco distante desse debate, mas temos as escolas como espaços democráticos para fazer essa discussão socioambiental. Estamos conquistando o protagonismo juvenil na participação das decisões da comunidade escolar, e nela estão incluídas as questões ambientais e de sustentabilidade" finaliza.

Segundo o coordenador de Educação Ambiental da Secretaria Estadual de Educação, Fabio Barbosa, a temática do meio ambiente é instigante para a promoção da participação social dos diversos segmentos etários, e o jovem não está alheio a isso. “Uma prova foi a conferência estadual Infanto-juvenil, realizada em 2018, sendo a Bahia o segundo estado brasileiro com maior números de escolas participantes desse processo. Os jovens estão sensibilizados, eles querem contribuir para a discussão ambiental”, completou.

Nenhum comentário: