2.5.20

A Corrupção do brasileiro em tempos de Coronavírus




Não é de hoje que sabemos, que infelizmente o brasileiro, não generalizando, claro, mas em sua grande maioria, tem o hábito de querer tirar vantagem em tudo, e surpreendentemente, até em meio a tragédias, podemos abordar como exemplo recente, como alguns comerciantes estão querendo tirar vantagem durante a pandemia do novo coronavírus.

Voltando um pouco na história, pode-se entender que o brasileiro é corrupto, sim, corrupto, e em sua maioria se dá pelo fato das suas raízes culturais. É comum e natural que todos os povos, em suas diferentes sociedades carreguem consigo singularidades que sejam relevantes para si.

Já faz alguns anos que, conversando com um grande amigo, inteligentíssimo, diga-se de passagem, e agora, recentemente, durante uma aula da faculdade, que ambos, ao falarmos sobre corrupção, abordaram este mesmo assunto, de que, infelizmente o brasileiro carrega consigo todas as mazelas, daqueles que vieram para o Brasil, durante seu descobrimento, para assim povoa-lo. Então surge o questionamento, quem foram essas pessoas?


Essas pessoas, faziam parte da escória da sociedade portuguesa, eram pessoas mal vistas, como, bandidos, prisioneiros condenados, assassinos, prostitutas, ladrões, gente de todo gênero, que só serviram mesmo, para evitar que Portugal perdesse o domínio sobre as terras brasileiras, e assim deixasse de explorar todas as riquezas que aqui haviam.

Nas aulas de história, nas escolas pouco ou nada se fala sobre isso, ao menos isso me foi omitido, o que faria toda a diferença para que nós brasileiros pudéssemos conhecer mais sobre nossos antepassados, e rever nossas atitudes cotidianas. E quando em uma roda de conversa, fala-se sobre corrupção, pode ter certeza que abordarão, que políticos são corruptos, o dono do posto de combustível “A” é corrupto, mas aqueles que ali estão, que furam filas, que recebem troco a mais e não devolve, que acham um objeto na rua, descobrem o dono e não devolve, este, nunca, em hipótese alguma se acha corrupto, mas eu vos digo, a corrupção não é algo particular dos grandes, ela está inserida em toda, e qualquer forma de prejudicar o outro, por mais, que este não saiba, ou sinta, foi errado, é sim, corrupção.

E voltando a falar sobre tirar vantagem durante a pandemia, é óbvio que sabemos que em alguns casos não se trata de corrupção, existem produtos escassos, por falta de produção, ou mesmo pela dificuldade da distribuição em algumas regiões, o que faz com que os preços sejam elevados, mas tirando isto, vamos aos fatos, assim que começaram a surgir os casos de pessoas infectadas pelo novo coronavírus, vários empresários do ramo farmacêutico, subiram os preços de forma exorbitante, de materiais, como álcool em gel e máscaras, em primeiro momento.

Em seguida veio o ramo alimentício, pôde-se ver em alguns supermercados, que alguns itens tiveram aumento de mais de 50% e por aí vai. Para complementar, bastou observar pelas mídias, a grande quantidade de pessoas, que começaram a correr aos supermercados para comprar produtos alimentícios e de higiene em grande quantidade, para fazer estoque, como se estivéssemos em meio a uma guerra mundial, e que todo suprimento fosse ficar escasso, a ponto de escondermos de forma segura.

Daí você pode se perguntar, e daí? Qual o mal em fazer estoque, e evitar que falte comida em casa, ou mesmo evitar que eu precise sair com frequência?

É, talvez para si não haja nada de errado nisto, mas vamos pensar um pouco, na população menos privilegiada? Essas pessoas não tem as mesmas condições que você, de ir até o supermercado e comprar tudo em estoque, de encher o carrinho de compras com caixas de álcool em gel, fazendo com que até mesmo quem está lá, não possa levar para casa, apenas um frasco, sim, isso aconteceu, várias mídias noticiaram o fato, outro ponto e não menos importante, é que ao fazer isso, você dá margem para que os comerciantes, se sintam no direito de elevar os preços das mercadorias, e essas pessoas menos favorecidas economicamente, podem não ter condições de alimentar a sua família de forma digna e necessária. Dito isto, porque não pensar no próximo?

Com a necessidade do uso de máscaras para evitar a contaminação pelo novo coronavírus, as máscaras viraram acessórios indispensáveis para sair de casa, agora imagine você, precisar ir até uma farmácia e perguntar o preço da unidade deste item, e lhe informarem, que cada uma custa, nada menos, nada mais, que R$8,00, o que antes, se comprava entre R$ 0,50 e R$ 1,00, acha isso justo? Claro que não, mas a realidade é que existem pessoas que não estão nem aí para o próximo, querem mesmo é faturar, independentemente da situação.

Ainda bem, que em meio a tudo isso, existem pessoas boas, solidárias, e que prezam o bem ao próximo, antes de qualquer tipo de lucro. A corrupção é crime contra a humanidade.

Por: Carola Santos


Nenhum comentário: