26.2.18

Ataque a Democracia na Bahia. (Por Emiliano José)

Não há sequer a tentativa de disfarçar a seletividade por parte do sistema de Justiça. Nem a mídia hegemônica se preocupa em manter as aparências - chega antes do xerife, depois de ter sido avisado por ele antes de o sol raiar. Por que a Bahia? Por que Wagner? Estado que o PT governa, governador ultra bem avaliado a ponto de deixar adversários à beira de um ataque de nervos e a ponto de desistência, Wagner favoritíssimo candidato ao Senado. Não bastasse isso, e ainda se noticiou ser ele o plano B para presidência da República. Nem adianta argumentar que Wagner já deu depoimentos a respeito há muito tempo, que inquérito foi instaurado em 2013, que na Justiça estadual tudo foi arquivado, que a presunção de inocência não admite esses procedimentos, que a Constituição continua vigente, nada disso vem ao caso no Estado de Exceção sob o qual vive o Brasil. Tentam atingir, com a iniciativa, o governador, o próprio Wagner e, por tabela, Lula, além do PT, que a direita tenta inviabilizar faz tempo. Insista-se: não é ataque a esta ou àquela personalidade política. É ataque à democracia. Na Bahia e no Brasil. Às forças democráticas só cabe a luta. Para ganhar as eleições na Bahia e no Brasil!

Por Emiliano José.

Nenhum comentário: