4.5.20

Polícia invade casas de Blogueiros e não deixa claro o porque



O Blogueiro e Ativista Digital do Pará, Diógenes Brandão, está sendo perseguido por seus posicionamentos em seus textos no Blog. Ele vem denunciando o governador do estado, Helder Barbalho por crimes cometidos durante o mandato.

Mas Diógenes não foi o único a ter a casa invadida por policiais para a realização de busca e apreensão, que ele mesmo diz, “não saber o porquê”.

Veja a matéria do Jornalista Lúcia Flávio Pinto e entenda o que está acontecendo contra os Blogueiros do Pará

“A polícia alega que, “de acordo com as investigações realizadas pelas equipes do Núcleo de Inteligência Policial (NIP), os citados sites estariam divulgando notícias falsas em redes sociais e portais jornalísticos”. Ninguém foi preso. Os blogueiros negam a prática de qualquer crime. Dizem que a iniciativa é de fundo político. Todos são críticos do governo Helder Barbalho.


O pedido de busca e apreensão teria sido feito ao juiz Heyder Tavares pela delegada Kézia, da Divisão de Prevenção e Repressão a Crimes Tecnológicos (DPRCT). Em nome do Ministério Público do Estado, o promotor de justiça, Luiz Márcio Cypriano, concordou com a iniciativa, se manifestando nos autos.

Os advogados dos blogueiros. Sábato Rossetti e Michell Durans disseram ao blog Espaço Aberto, do jornalista Paulo Bemerguy, que tanto Brandão quanto Cunha não sabem até agora por que foram alvos da ação policial.

“À casa do Diógenes compareceram nove policiais e na do Eduardo, 15. Eles não chegaram nem a ser ouvidos pela delegada Kézia. No mandado de busca de apreensão, não consta nem o que deveria ser apreendido”, afirmou Rossetti, segundo Bemerguuy.”

Nenhum comentário: