Dimas Roque: Agricultura familiar tem reconhecimento mundial (Por Josias Gomes)

3.9.19

Agricultura familiar tem reconhecimento mundial (Por Josias Gomes)


A agricultura familiar reúne diversas características que fazem bem a sociedade e ao planeta. 

Os avanços que este pujante setor conquistou, recebe o reconhecimento de líderes mundiais de diversos países e autoridades ligadas ao modelo de sustentabilidade.

Neste ciclo de crescimento, ganhamos um importante aliado, a Organização das Nações Unidas (ONU). A entidade lançou a promoção: Década da Agricultura Familiar que já se inicia este ano e vai até 2029. 

As Nações Unidas tem uma agenda de sustentabilidade com metas que vão até 2030 e a agricultura familiar é um dos pilares para se alcançar estes objetivos a níveis globais.

É inegável que a agricultura familiar democratiza a terra, os meios de produção, gera emprego e renda para a população do campo, que, antes, era deixada a própria sorte. Tais ações são fundamentais na distribuição de riqueza, no combate a fome, desnutrição, pobreza e desigualdade social. Tudo isso sem agredir o meio ambiente.

A ONU sabe que é impossível se pensar em um mundo sustentável sem a presença marcante da agricultura familiar. 

Neste fim de agosto, as Nações Unidas promoveram na República Dominicana o lançamento da Década da Agricultura Familiar, onde estavam presentes 20 delegações da América Latina e Caribe, compostas por autoridades dos países, como ministros da agricultura e representantes de instituições vinculadas a agricultura familiar.

Os agricultores familiares brasileiros foram representados pela Coprofam, a Cloc-Via Campesina, entre outras – de jovens, mulheres e povos indígenas, parlamentares e também representantes de instituições acadêmicas, além de parceiros do setor privado empresarial e cooperativo e funcionários de organizações não-governamentais.

 A união dos países, pessoas e instituições ligadas a agricultura familiar é fundamental para que não ajam retrocessos. Este segmento que tanto bem faz aos povos e nações devem caminhar em bloco e se fortalecer mutuamente. Sabemos que do outro lado, tem um indústria poderosíssima que lucra bilhões com a devastação do planeta e miséria generalizada. 

Na Bahia, seguimos firmes e fortes no propósito de fortalecer este projeto de desenvolvimento do meio rural sustentável -mesmo com as adversidades impostas pelo desgoverno federal, aqui, buscamos a superação diária, organização planejada e coletiva. 

Podemos dizer que neste estado os agricultores familiares têm apoio incondicional para conquistarem horizontes férteis e fazerem a diferença no mundo!

Por: Josias Gomes - Deputado Federal (licenciado) do PT/Bahia e atualmente titular da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR).

Nenhum comentário: