Dimas Roque: Heleno diz que está preocupado com a situação da seca em Sergipe

25.11.19

Heleno diz que está preocupado com a situação da seca em Sergipe


Entra ano e sai ano e a situação da seca no Estado de Sergipe mais uma vez castiga o sertanejo. Este ano já são 9, as cidades que decretaram estado de emergência por causa da estiagem. Canindé de São Francisco, Nossa Senhora da Glória, Gararu, Porto da Folha, Monte Alegre, Poço Redondo do Alto Sertão sergipano, além de, Tobias Barreto e Poço Verde no Centro Sul) e Frei Paulo no Agreste Central do estado. E olha que nem estamos no Verão.

Conhecedor do que representa a falta de chuvas para essas regiões, Heleno Silva, ex-prefeito de Canindé e ex-deputado federal, disse estar preocupado. Para ele a seca já começa a atingir os moradores, criando dificuldades, principalmente, aos da zona rural, deixando povoados inteiros dependentes de carros-pipas.

No último final de semana em um dos programas de rádio que faz no sertão sergipano, ele recebeu, através de mensagens em seu celular pedidos de ajuda. Outros “ligaram para o programa e fizeram reclamações da falta de água”, disse ele.

Com poder aquisitivo baixo, muitas dessas pessoas não podem comprar carradas de água, que estão em média a R$ 150,00 (cento e cinquenta reais) e estão utilizando os locais onde os animais também bebem. O que pode ocasionar problemas de saúde, piorando ainda mais a vida das pessoas. Animais estão sendo vendidos a baixo custo para que não morram de sede.

Heleno fez o pedido no ar, na rádio, e disse que vai a Brasília cobra que o governo federal, através da secretaria nacional da defesa civil tome providências para resolver a situação, antes que vire calamidade pública. Ele falou que, “a seca é uma realidade e tem que haver um planejamento. Não se pode esperar que o problema aconteça todos os anos, para que se corra atrás para tentar resolver”. O sertanejo está precisando de ajuda e devemos, todos, cobrar uma solução”, disse ainda Heleno.

Nenhum comentário: