26.3.15

Tecnologia do Água Para Todos é tema de curso em Juazeiro/BA.


O Programa Água Para Todos, executado pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf), esteve na pauta de um curso realizado pela Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), em Juazeiro-BA, nos dias 17 e 24 de março. Na ocasião, estudantes, técnicos agrícolas, representantes de ONG’s, associações rurais e movimentos sociais participaram de uma capacitação sobre captação e tratamento de água, onde tiveram acesso às novas tecnologias utilizadas pela Codevasf no que se refere ao tema. 

A capacitação foi ministrada pelo Coordenador Regional do Programa Água Para Todos, no norte da Bahia, Joselito Menezes de Souza. Durante a apresentação, o Coordenador ressaltou a função e a importância de cada barreira sanitária presente na instalação de uma cisterna. 

Sobre a participação da comunidade no processo de tratamento da água da chuva, foi taxativo, “O trabalho não se encerra aqui. Nós vamos continuar trabalhando e a ideia é que esses agentes que estamos formando aqui sejam multiplicadores em suas comunidades e compartilhem o conhecimento adquirido”, recomendou Menezes. 

Pensando dessa forma, o técnico agrícola e quilombola, Genilton Marques dos Santos, vê nas palestras, uma possibilidade de melhoria da qualidade de vida nas comunidades rurais. “Nós sabemos que a questão da má qualidade da água, causa diversos problemas de saúde. Eu vou usar esses conhecimentos com muito prazer nas atividades que eu já desenvolvo na extensão rural, orientando as pessoas de forma técnica, mas também, de forma social, uma vez que sou militante de grupos sociais, uma vez que sou lutador pelas causas de direito da população”, enfatizou. 

Já a estudante de Curaçá, Daniela Teles Nascimento, reconheceu a importância do tratamento da água e parabenizou a Codevasf pela iniciativa. “Essa oficina trazida pela Codevasf é muito importante porque as comunidades recebem a água sem tratamento. Esse novo modelo [de instalação] de cisterna, com esse tratamento de água é muito interessante e precisa sim ser levado para todas as comunidades, dos municípios”, recomendou a estudante. 

Outro participante do curso, o agricultor, José da Silva Souza, mostrou-se bastante satisfeito pelo aprendizado adquirido. Essa foi a terceira vez que Seu José se deslocou de Casa Nova até Juazeiro apenas para participar do curso, e para ele, “Foi muito bom ter participado. Eu mesmo não tinha esse conhecimento do tratamento. A gente tem a cisterna, mas não sabia como tratar”, disse o agricultor. 

O convite para a realização da palestra surgiu a partir do interesse da instituição de ensino em compartilhar as tecnologias utilizadas no programa com os representantes das comunidades. “No caso da parceria Univasf e Codevasf, ela já está mais que consolidada, porque estabelecemos uma relação de confiança. A partir desse contato com o Programa Água Para Todos, eu tenho certeza que as comunidades estarão mais abertas para aceitar essa modalidade de captação e, certamente, a população de um modo geral será contemplada e beneficiada”, celebrou a Pró-Reitora de Extensão da Univasf, Profª Dra. Lúcia Marisy de Oliveira. 

O curso realizado pela Universidade Federal do Vale do São Francisco tem o objetivo de formar 150 Agentes Populares de Desenvolvimento em Educação Ambiental, visando a melhoria das práticas já desenvolvidas pelos participantes, com foco no desenvolvimento sustentável em educação ambiental. O curso é dividido em módulos, divididos em etapas que vêm sendo ofertadas desde o ano passado. Ao todo, participam do curso 200 representantes de comunidades rurais localizadas nos municípios de Casa Nova, Curaçá, Sento Sé, Uauá, Remanso, Pilão Arcado e Juazeiro, além de alguns municípios do Sertão pernambucano.

Ascom PAPT/6ª SR.

Nenhum comentário: