6.5.14

Cisterna de número 100 mil da Codevasf garante água para família do sertão baiano.

É no terreiro da casa da aposentada Adelice Nunes, no povoado de Baixão do Cedro, município de Santana, extremo oeste baiano, que está instalada a cisterna identificada com o número 100 mil pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), uma das executoras do programa Água para Todos.
“Já choveu e já temos água boa para beber”, comemora a aposentada, conhecida como “dona Deci”, que há 33 anos vive no povoado desse município de 24.750 habitantes, segundo o IBGE, situado numa região seca e que registra altas temperaturas ao longo de todo o ano. “Antes, a gente tinha que beber água salobra do poço que fica a 200 metros de minha casa. Com a cisterna melhorou 100%”, garante.
Adelice vive com o marido, o agricultor Antonio Nunes da Conceição, e o neto, Alexandro, de 13 anos – filho de um dos seis filhos que o casal teve e que depois se espalharam entre Goiás, São Paulo e Bahia. O casal planta milho, feijão e mandioca, “mas este ano não colhemos nada, porque a seca foi cruel”, lamenta ela, que consegue manter a família com sua aposentadoria na ausência da colheita.
A família usa a água da cisterna apenas para beber e continua usando a água do poço para os demais afazeres domésticos. Foi o marido Antonio quem participou do treinamento oferecido pela Codevasf para ensinar à comunidade os cuidados básicos para armazenamento da água das chuvas na cisterna, e seu manuseio, de modo a mantê-la própria para consumo. “Meus vizinhos todos já receberam a cisterna, e está todo mundo satisfeito”, assegura dona Deci.
Santana está inserido no raio de atuação da 2ª SR – Superintendência Regional da Codevasf sediada em Bom Jesus da Lapa, no Médio São Francisco. Até o momento, mais de 15.500 famílias rurais desta região encravada no semiárido já estão com acesso a água assegurado por meio das cisternas do programa Água para Todos.
“Numa região quente e que sofre com longos períodos de estiagem, essa ação do programa Água Para Todos possibilita o acesso e armazenamento da água da chuva, melhorando as condições de vida da população mais necessitada”, explica Rafael Trece, coordenador regional do programa no âmbito da 2ª SR da Codevasf.

Em toda a área de atuação da Codevasf, já são mais de 112 mil famílias moradoras de comunidades rurais dispersas beneficiadas desde 2011, quando se iniciou a execução do programa coordenado pelo Ministério da Integração Nacional e integrante do conjunto de ações do Plano Brasil sem Miséria. “O crescimento do programa ao longo desses três anos foi muito significativo. São mais de 100 mil famílias já beneficiadas apenas pela Codevasf, ou seja: mais de 500 mil pessoas que passam a ter acesso a água de qualidade armazenada em reservatórios apropriados”, assinala Elton Silva Cruz, coordenador do Água para Todos na Companhia.

Nenhum comentário: