Dimas Roque: Vereadores derrotam Anilton em votação na Câmara.

10.8.11

Vereadores derrotam Anilton em votação na Câmara.

Os vereadores de Paulo Afonso presentes na sessão ordinária realizada na manhã do dia 08 de agosto votaram o veto do executivo referente ao projeto de lei nº 11/11 que dispõe sobre o funcionamento da maternidade do Hospital Municipal de Paulo Afonso, de autoria do vereador Edson Oliveira.

Em votação secreta, os vereadores fizeram sua opção, tendo como resultado 8 votos a favor e 1 contra. Sendo assim, o veto do executivo foi reprovado pela Câmara. Os edis Petrônio Nogueira e Antônio Alexandre, ausentes na sessão, não participaram da votação.

O presidente da Casa Regivaldo Coriolano avalia o resultado da votação e fala do empenho dos vereadores para a reabertura da maternidade do HMPA. “Baseada na interpretação jurídica que foi dada pelo nosso procurador entendemos que ele não está criando nenhuma nova estrutura, e sim a manutenção da maternidade já existente, então na verdade esse resultado da votação de 8 votos a 1, mostra o interesse de todos os vereadores para que esta maternidade seja reaberta o mais rápido possível”, ressaltou Coriolano.

Outro assunto da pauta da sessão foi o requerimento verbal do vereador Celso Brito solicitando emenda modificativa ao artigo 52 do regimento interno, alterando o horário das sessões. “Espero contar com a maioria dos vereadores, pois acredito que essa mudança para o horário diurno só trará benefícios aos vereadores, funcionários e a população de Paulo Afonso”, argumentou o parlamentar.

Usaram da palavra no grande expediente os vereadores Aroldo do Hospital Gilson Fernandes, Celso Brito e Daniel Luiz e mais uma vez ressaltaram o não cumprimento do executivo aos requerimentos aprovados pela Câmara e a atual situação da saúde no município. (ASCOM / CMPA).

Nenhum comentário: