Dimas Roque: UMA CIDADE ABANDONADA.

27.8.09

UMA CIDADE ABANDONADA.


Às vezes eu fico me lembrando dos filmes de “bangue-bangue” que eu via quando criança nos cinemas de Paulo Afonso. Os cinemas Palace e São Francisco que ficavam na “Rua da Frente” eram os mais acessíveis a quem morava na “Poty”. Eram fitas que na sua maioria traziam cidades do velho oeste americano.

Os anos se passaram e estas memórias ainda aparecem!

Hoje vejo a cidade de Paulo Afonso como se estivesse sendo refletida em uma tela de cinema. A nossa cidade, assim como as que eram mostradas nos filmes, esta ABANDONADA. O lixo toma conta das ruas, os buracos nas ruas parecem uma fotografia da Lua, não há Lei, já que o prefeito Anilton não as cumpre e agora, como no velho oeste, parte da justiça toma decisões na calada da noite, beneficiando temporariamente quem vem cometendo o crime.

Em uma figura de linguagem, remontando ainda aos filmes que eu assistia nos cinemas, parece aquele delegado que fica do lado do dono da fazenda que rouba a possibilidade da população poder ter acesso a águam que é a vida deles. Assim é a entrada dos aprovados na Prefeitura que passaram no concurso público e tem seus direitos subjugados.

A Desembargadora tem muito o que explicar quanto a suspensão da decisão tomada pela justiça e suspensa por ela.

Nenhum comentário: