Dimas Roque: SUPLICY DÁ CARTÃO VERMELHO A SARNEY.

26.8.09

SUPLICY DÁ CARTÃO VERMELHO A SARNEY.

O senador Eduardo Suplicy (PT-SP) voltou a criticar no plenário da Casa nesta terça-feira (25) a falta de um pronunciamento do presidente do Congresso Nacional, José Sarney (PMDB-AP), sobre o arquivamento das denúncias e representações contra ele. O petista pediu a renúncia do peemedebista por causa da falta de esclarecimento das dúvidas que permaneceram após a enxurrada de acusações contra o maranhense. Durante o discurso contundente, o parlamentar chegou a bancar a figura de um árbitro de futebol para mostrar um cartão vermelho ao maranhense. “O arquivamento no Conselho de Ética não resolveu. Para voltarmos à normalidade, o melhor caminho é que sua excelência renuncie ao cargo do Senado. O melhor passo para a saúde do Senado e do próprio Sarney é simbolizado neste cartão vermelho. Que ele deixe a presidência para permitir que o Senado volte aos seus trabalhos normais”, enfatizou. Sarney não estava presente na sessão no momento do protesto, mas a surpresa foi apenas para os presentes. Segundo Suplicy, ele comunicou que faria o manifesto ao próprio presidente.

Um comentário:

Anônimo disse...

o sabonete do suplicy deveria sim dar o cartão vermelho para o Sr Presidente da República , demagogo e conchaveiro