21.8.09

NOTA DA BANCADA DE OPOSIÇÃO DA CÂMARA DE VEREADORES DE PAULO AFONSO AOS CONCURSADOS.

Diante das declarações alardeadas em órgão da imprensa local sob a suposta suspensão das liminares que determinam a imediata convocação dos concursados da Prefeitura de Paulo Afonso, os vereadores Celso Brito Miranda, Gilson Fernandes, Aroldo Ferreira e Regivaldo Coriolano, que se encontram em Salvador tratando dos interesses da sociedade pauloafonsina, antecipam por meio desta, que informados da divulgação mantiveram contato com os advogados dos Concursados e os mesmos estarão nos próximos dias esclarecendo a verdade dos fatos aos seus clientes e a sociedade em geral.

Antecipam que tomaram conhecimento que a presidente do Tribunal de Justiça, desembargadora SILVIA CARNEIRO SANTOS ZARIF deferiu apenas o pedido de suspensão dos efeitos da liminar concedida no Mandado de Segurança nº. 2766927-1/2009 (030/2009). Não tomando conhecimento oficial de outras decisões em desfavor do restante das liminares, portanto as que foram aceitas até a presente data deverão ser cumpridas pelo das liminares, portanto as que foram aceitas até a presente data deverão ser cumpridas pelo prefeito, sob pena de desobediência.

De qualquer forma, esta decisão não causa a nulidade do concurso, tampouco as alegações do agravo convencem a sociedade, pois é sabido que mais de 1200 pessoas foram contratadas através de REDA na Prefeitura já nesta Gestão, e que a receita do Município está sendo maior do que no ano anterior. Devendo todos os concursados e recorrentes se tranqüilizarem, pois até o presente, o Gestor Municipal e sua assessoria jurídica não conseguiram apresentar provas de irregularidades que causem a anulação do referido concurso.

Os vereadores da bancada de oposição, manifestam ainda, que continuarão mantendo o apoio incondicional a causa dos concursados até que todos estejam nomeados e no exercício pleno das funções as quais foram aprovados, pois acredita em sua justa luta, e na legalidade deste concurso público.

Assessoria do vereador Celso Brito Miranda

Líder da Bancada de Oposição

4 comentários:

alex disse...

http://www.slideshare.net/Mengaobahia/processos-ativos-da-parte-anilton-bastos-pereira Dimas veja esse link ai e veja o que diz, pois pelo qe entendi o prefeito entrou com um outro processo e passou a frente dos agravos pois o mesmo perdeu o prazo e não ia dar em nada, veja ai o link acima e tire a sua conclusão, mais pelo que entendi ai teve um ajeitado politico, veja ai por favor e nos esclareça, não divulgue meu e-mail.Alexf16@gmail.com mande retorno no e-mail por favor.

ESPIRITO DE PORCO disse...

Esta DESEMBARGADORA não sabe que la votou a favor dos concursados e agora está voltando atrás, pelo que sei o DR. CELSO PEREIRA ´muito competente e não vai deixar por isto não, existe varios recursos. Os processos meu pessoal cabe até representações contra alguns jugadores. A imparcialidade do Tribunal seria o mais correto. Os apaniguados que se cuidem.

Anônimo disse...

Eu não entendo! Sinceramente eu não entendo , será que sou burro? meu Deus me castigue se eu tiver errada! Eu li no site jusbrasil, um site de noticias juridicas que O Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinou que o candidato aprovado em concurso público dentro do número de vagas previstas em edital a tem direito a ser nomeado e a tomar posse. Aí eu pergunto: Dr. Anilto esta ou não esta brincando com a justiça? ele esta ou não tirando onda da cara dos representates judiciais? Gente de Deus foi o STJ quem determinou, porque a justiça não obriga esse prefeito nomear os concursados? Essa desembargadora Dra. Silvia Carneiro, acho que não teve acesso a essa decisão do STJ! continuo a dizer: é culpa da justiça nós concursados não termos sido nomeados! somente culpa da justiça! nem de Anilton é mais e sim da JUSTIÇA! AREBAGUANDI!

PEDRA NO CAMINHO disse...

Este é meu GAROTO. CONCURSADOS, se acalme, que se pronunciou foi o DR. MONTALVÃO e não desmerecendo o CELSO PEREIRA também um dos temíveis advogados da nossa cidade, eles são umas feras. Vocês sabem quem foi o professor do procurador da prefeitura, se não sabiam foi o Montalvão. Espero logo que esta ação se suspensão vá para o Supremo, lá já existe uma decisão sobre o concurso. Parabéns a Montalvão e a Celso Pereira, não desfazendo nunca de outros bons advogados que existe em nosso município mais quem está com o caso são os dois. Parabéns, parabéns mesmo. e por favor não escutem mais a RBN ele não sabe o que fala, o que fala hoje amanhã não fala mais.