5.1.21

Prefeito de Casa Nova vai comprar vacina contra COVID-19 para população de risco


O Prefeito de Casa Nova, Wilker Torres (PSB), saiu na frente e enviou na tarde desta segunda-feira (04/01), ofício ao Diretor Executivo do Instituto Butantã, Dimas Tadeu Covas, manifestando interesse na aquisição de 35 mil doses de vacinas para imunização contra o SARS-COV-2, vírus causador da COVID-19, pandemia que já causou a morte de mais de duzentas mil pessoas no Brasil e de 19 pessoas em Casa Nova, com mais de 1.100 infectados.

No ofício o prefeito estima que “tendo por base a vacinação anual contra a influenza e considerando a necessidade de 2 doses, estimamos que será necessária a compra de 35.000 doses”, para “vacinação dos grupos de risco no município.”

Wilker Torres, que desde o início da pandemia se mobilizou para o combate à COVID-19, mantendo o município de Casa Nova com índices bem abaixo de municípios vizinhos, diz que “esta segunda onda pode nos trazer mais infectados, mais doentes e exigir leitos de UTI que já estão faltando. Meu primeiro compromisso é com a população e como não há impedimento legal de aquisição, enviei esse ofício, espero uma resposta positiva e vou insistir na compra”.

Explica o prefeito que “nossas equipes estão preparadas para vacinar de imediato, possuímos estoques de agulhas e seringas e temos a logística para trabalhar e atender em todo município. Se o Instituto Butantã atender nosso pedido, estamos preparados pra vacinar”.

Ao finalizar o Prefeito Wilker lembra que “os cuidados de prevenção têm de ser mantidos. O vírus está aí e não podemos descuidar”.

A vacina do Butantã

A CoronaVac é a vacina que começou a ser produzida no dia 09 de dezembro de 2020, pelo Instituto Butantã em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac e será utilizada pelo governo de São Paulo para imunizar a população do estado. 

Já foram realizadas as três fases dos testes exigidos, com resultados satisfatórios e enviado o pedido de registro na ANVISA.

O custo de duas doses por pessoa é de R$ 31,96.

Nenhum comentário: