15.12.15

Contra o Golpe e Fora Cunha.

Lideranças, ativistas e populares que formam a grande maioria da sociedade brasileira, por meio das centrais sindicais, movimentos  populares, estudantis,  organizações de juventude, mulheres, negros, LGBT, indígenas, das pastorais das igrejas, da intelectualidade democrática, participarão contra a o impeachment e se somam nesta quarta- feira, dia 16/12, aos setores democráticos da sociedade civil, do mundo religioso, jurídico, intelectual e cultural do país, em Defesa da Democracia, Contra o Golpe e Fora Cunha. 
Integrantes das manifestações se colocam contrários ao impeachment, porque é de conhecimento público as motivações criminosas do deputado Eduardo Cunha, contra a presidenta Dilma Rousseff. Dono de contas bancárias na Suíça, onde estão depositados vários milhões de reais, dinheiro de origem ilícita, Cunha quer que a oposição ao governo o proteja da cassação, em troca da manipulação do processo de impeachment para cassar o mandato legítimo da presidenta Dilma.
Outra observação colocada pelas organizações contra o impeachment está  também que “não há nenhuma comprovação de crime por parte de Dilma, e o impeachment sem base jurídica, motivado pelas razões oportunistas e revanchistas de Cunha, é golpe”, ressalta o manifesto.   
Para as lideranças articuladoras do Ato “o processo de impeachment se trata de um verdadeiro golpe que afronta a democracia, a legalidade e a soberania do voto popular”, observa Raimundo Bonfim, coordenador da Central de Movimentos Populares/SP. 
O Ato acontecerá nesta quarta- feria, dia 16/12, em todo o Brasil e na cidade de São Paulo a concentração ocorrerá a partir das 17h, no vão livre do Museu de Arte de São Paulo (Masp), à Avenida Paulista e deverá seguir para a Rua da Consolação e término na Praça da República.
Para mais informações sobre o Ato em São Paulo.
Raimundo Bonfim, coordenador geral da Central de Movimentos Populares - (11) 9 7223-8171
Douglas Izzo, presidente da Central Unica dos Trabalhadores (CUT-SP) - (11) 9 8599-4320
Mobilizações nos Estados
da Frente Brasil Popular

Bahia
16/12 – Ato em Salvador- BA, concentração às 15 horas no Campo Grande
Rio de Janeiro
16/12 – Ato no Rio, concentração às 16h na ALERJ
Pará
16/12 – Ato em Belém-PA. Concentração: 17:00 na Praça da República
Paraná
16/12 Ato em Curitiba, às 17 horas concentração na Praça Santos Andrade
Rio Grande do Sul
16/12- Ato em Porto Alegre –RS
Minas Gerais
16/12 – Ato em BH concentração às 16h,na praça Afonso Arinos.
Pernambuco
16/12 – Ato em Recife às 15h Pca Oswaldo Cruz
16/12- Ato em Petrolina, concentração em frente ao INSS às 9h
Brasília
16/12 - Ato em Brasília, concentração às 16h no Mané Garrincha.
São Paulo
16/12 – Ato no MASP às 17h
Ceará
16/12 Ato em Fortaleza às 15hs, na Praça da Bandeira.
Goiás
16/12 Ato na Assembleia Legislativa de Goiás as 15:00
Sergipe
16/12 Aracajú às 15h na Praça General Valadão
Maranhão

16/12 São Luís, concentração será às 14h30 na praça João Lisboa.

Nenhum comentário: