22.10.20

Região sul da Bahia ganha Centro Vocacional Tecnológico do Cacau



A região sul da Bahia ganhou um espaço de excelência para a capacitação tecnológica e profissional de produtores do setor cacaueiro. O Governo do Estado, por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), inaugurou nesta quarta-feira (21) o Centro Vocacional Tecnológico (CVT) Cacau, em Ilhéus.

A unidade, que contou com um investindo superior a R$ 1 milhão, funciona no campus da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc). A implantação é fruto de convênio com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações.

“Nós passamos por uma crise na região do cacau e a única forma de agregar valor à produção é através da tecnologia e da qualificação. O CVT é um espaço fundamental para o fortalecimento do setor e ampliação da renda da agricultura familiar”, destaca o titular da Setre, Davidson Magalhães.

Serão beneficiados 26 municípios da microrregião cacaueira do sul da Bahia: Almadina, Arataca, Aurelino Leal, Barro Preto, Buerarema, Camacan, Canavieiras, Coaraci, Floresta Azul, Ibicaraí, Ilhéus, Itabuna, Itacaré, Itaju do Colônia, Itajuípe, Itapé, Itapitanga, Jussari, Maraú, Mascote, Pau Brasil, Santa Luzia, São José da Vitória, Ubaitaba, Una, Uruçuca.

A expectativa é que o CVT do Cacau, que conta como apoio do Centro de Economia Solidária - Litoral Sul, atenda, de forma direta, 250 agricultores familiares, assentados e quilombolas, em especial aqueles ligados ao cultivo do cacau e fabricação do chocolate, além de estudantes de graduação e pós-graduação do Território Litoral Sul, atingindo indiretamente cerca de 800 famílias.

Também participaram do evento, o reitor da Uesc, Alessandro Fernandes de Santana; o superintendente de Economia Solidária e Cooperativismo da Setre, Milton Barbosa e representantes de empreendimentos solidários e da agricultura familiar da região.

Nenhum comentário: