4.12.17

Jovens do Primeiro Emprego visitam o Bahia Rural Contemporânea.

“Encontramos gente para dar a mão à gente”. Foi com essa declaração que a técnica em agropecuária, Tailandi Aquino, do município de Irecê, definiu o Programa Primeiro Emprego, do Governo do Estado. Neste sábado (02), 121 jovens da capital e do interior, que atuam na Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), e seus familiares, foram recepcionados pelos dirigentes de todas as unidades da secretaria, durante o Bahia Rural Contemporânea, maior evento de valorização da agricultura familiar do país.

Segundo o secretário da SDR, Jerônimo Rodrigues, o governo lançou um programa não só de emprego, mas de cidadania, participação e envolvimento: “O governador fez o seu papel, agora nós, secretários, é quem temos de criar esse diálogo. Temos um pacto em receber profissionais e capacitá-los. Com as famílias, de mostrar que podem confiar em nós e apresentar o trabalho que seus filhos estão desenvolvendo. Além disso, estamos fazendo um arranjo da politica pública, pois estamos qualificando profissionais que daqui a três, quatro anos, estarão à frente do desenvolvimento rural do estado”.

O pai de Tailandi, que agora integra a equipe do Serviço Territorial de Apoio à Agricultura Familiar do Território (SETAF) de Irecê, o agricultor Jucélio Aquino, acompanhou a jovem e se emocionou ao falar do trabalho da filha: “Vocês não olham a gente pelos bens que temos, mas pro nosso caráter e é isso que é importa. Dou graças a Deus por essa oportunidade, que foi uma honra pra nós”.

Naiane Calasans, técnica agropecuária do SETAF de Ribeira do Pombal, conta que o programa abriu as portas para colocar em prática o que aprendeu no curso: “Estou feliz em poder ajudar no desenvolvimento do meu município e a levar renda para os agricultores familiares da região. O programa é a oportunidade de mostrar aos jovens que saem da roça para cidades, que existe lugar pra gente na nossa terra”.

Quem acompanhou Naiane foi sua mãe, a agricultora Valdenice Calasans. Ela relatou que nunca imaginou que uma agricultora, nascida e criada na roça, tivesse espaço em um evento como esse: “Fomos chamados à capital para conhecer no que nossos filhos vão trabalhar. O governador Rui Costa me dá orgulho de ser dessa Bahia”.

Qualidade na gestão

O coordenador interino do Programa Primeiro Emprego, Almerico Lima, afirmou que está emocionado em ver o resultado desse trabalho: “A qualidade da gestão do programa na SDR vem fazendo a diferença, na medida que os jovens estão sendo alocados nas unidades para fazer o serviço, mas compreendendo a importância da agricultura familiar”.

A superintendente da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), Lucia Falcon, ressaltou que “o programa primeiro emprego, no conjunto das políticas públicas da Bahia, é um pilar poderoso de sustentação da política desenvolvimentista, ao lado de outra políticas que estão abrigadas na SDR, de arranjos produtivos, que trazem a força do desenvolvimento local”.


Também estiveram presentes representantes da Casa Civil, Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e. Desenvolvimento Social (SJDHDS ), Secretaria da Administração (Saeb), Secretaria de Comunicação Social (Secom) e Fundação Luís Eduardo Magalhães (FLEM).

Nenhum comentário: