30.7.15

Secretaria de Turismo irá lançar o Projeto “Clique Canindé Turismo”.

Já está em fase de montagem toda a estrutura virtual, que está sendo preparada pelos profissionais de TI – Tecnologia da Informação, do município de Canindé de São Francisco, para o concurso de fotografias “Clique Canindé Turismo”. As inscrições deveram começar ainda no mês de agosto.
Para participar basta que a pessoa comprove ter residência fixa em Canindé, ir ao Site Oficial da Prefeitura, no link que será disponibilizado. Fazer a inscrição e enviar três fotos que mostrem o tema Turismo. Lembrando que cada fotografo só terá direito a uma inscrição. As fotos serão selecionadas por uma comissão julgadora formada por profissionais da área de imagens e o vencedor será anunciado no mês de setembro. Uma única fotografia será a vencedora do concurso.
A escolha vai levar em consideração a técnica e a criatividade do participante. Vale foto feita com qualquer tipo de equipamentos. Fotos manipuladas ou "emprestadas" de outro fotógrafo serão automaticamente excluídas do concurso. O uso de filtros nas fotos também está proibido.
O Prefeito Heleno Silva disse esperar uma grande participação da população, já que “hoje a maioria das pessoas tem câmera fotográfica e celulares que fazem o mesmo trabalho. Que vença aquela fotografia que melhor representar o turismo de nossa Canindé”.

Ccom Canindé.

Voluntárias Sociais da Bahia realizam bazar no fim de semana.

Com apoio do Governo do Estado, as Voluntárias Sociais da Bahia irão promover o Bazar Social, neste sábado (1º) e domingo (2), das 9h às 18h, no Palácio da Aclamação, Avenida Sete de Setembro, em Salvador. O evento reúne produtos novos que foram apreendidos pela Receita Federal, como brinquedos, perfumes importados, eletroeletrônicos, roupas, entre outros.
O dinheiro arrecadado será direcionado às obras sociais das Voluntárias, que têm projetos sociais em prol dos mais carentes. A partir de segunda-feira (3), o Bazar segue disponível na própria sede das Voluntárias Sociais, localizada no Largo do Campo Grande, das 9h às 16h. Mais informações podem ser consultadas no site www.vsba.ba.gov.br.

Sistema de tratamento de água de chuva é apresentado a comunidade do sertão baiano.

Mais uma palestra sobre novos dispositivos de segurança utilizados em cisternas para o armazenamento e tratamento de água de chuva foi ministrada por técnicos da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf) no norte da Bahia. O objetivo foi divulgar uma ação que está sendo realizada pela Companhia em parceria com a Cooperativa Agropecuária Familiar de Canudos, Uauá e Curaçá (Coopercuc), que visa assegurar a qualidade da água utilizada no processamento de alimentos produzidos pela entidade em suas minifábricas.
Um dos responsáveis pela administração e manutenção da minifábrica da Coopercuc, em Serra Grande, no município de Curaçá (BA), o técnico agrícola José Edmilson Alves dos Santos considerou a palestra como de extrema importância no processo de instalação dos dispositivos. Para ele, foi um momento no qual a comunidade pode participar e ficar ciente das ações que estão sendo realizadas no que diz respeito à qualidade na produção.
“A palestra foi interessante porque mostrou para as pessoas a importância de se ter uma água de qualidade e a viabilidade na aquisição dos equipamentos. A gente tem dificuldade de ter água tratada de acordo com o que exige a Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Esse mecanismo vai proporcionar essa qualidade, gerando mais renda para os nossos associados”, comemorou José Edmilson.
A palestra foi ministrada pelo analista de Desenvolvimento Regional, da 6ª Gerência Regional de Revitalização da Codevasf, Joselito Menezes de Souza. Ele reforçou o fato de que o projeto-piloto instalado na minifábrica responde a uma expectativa da cooperativa a fim de atender exigências dos órgãos de fiscalização sanitária.
“O projeto tem como premissas baixo custo de instalação e manutenção, além de facilidade na sua operação, podendo ser manuseado pelos próprios associados, garantindo assim água tratada dentro dos padrões exigidos pela legislação. Desta forma, assegura-se o disposto nas políticas públicas de segurança alimentar e nutricional, além de valorizar a agroindústria de base familiar no semiárido brasileiro”, destacou Menezes.

Localizada na comunidade de Serra Grande, no município de Curaçá, a minifábrica é a primeira, de um total de 20 pertencentes à Coopercuc, a receber a consultoria da Codevasf na operação dos dispositivos de proteção sanitária. O próximo passo agora é avaliar os resultados alcançados, já pensando nas próximas instalações.

27.7.15

Secretaria de segurança pública prevê instalação de 34 Diseps.

Uma das estruturas do programa estadual Pacto pela Vida no enfrentamento à criminalidade, o Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep) já é uma realidade no estado. Em 2015, quatro Diseps já foram instaladas nos municípios de Uruçuca, Bonito, Iguaí e Capim Grosso, intensificando as ações de preservação da vida nas localidades. De acordo com o secretário da Segurança Pública, Maurício Barbosa, o planejamento da pasta prevê que, até o final do ano, a Bahia passe a dispor de 34 unidades.
"A estrutura foi pensada para aumentar a atenção da polícia à comunidade. Nossa proposta é fazer com que haja a colocação de outras unidades em todos os municípios do estado. Temos o desafio de deixar todos os Diseps da primeira etapa prontas, até o final do ano, para reforçar o combate à violência nos municípios. O Disep é uma conquista para a segurança pública porque a população passa a ter condição de ser melhor atendida”, destacou Barbosa.
O Disep, que integra as polícias Civil e Militar, possui unidade do Instituto Pedro Melo, instalações para os policiais de plantão, salas de audiência, de reconhecimento com espelho para a segurança das vítimas e duas custódias para os presos. Estão sendo investidos R$ 111 milhões para a instalação dos Diseps.
Custódias.
Das quatro unidades já instaladas, a última foi a de Capim Grosso, inaugurada na semana passada. As custódias do Disep vão substituir as da atual delegacia e estão dimensionadas para que os detidos fiquem, no máximo 48 horas, e após este prazo sejam soltos ou encaminhados aos presídios.
Um dos moradores que se sentem beneficiados é o aposentado Dalberto Lima. Segundo ele, Capim Grosso é um eixo rodoviário com quatro contornos, onde circulam pessoas de todo o Brasil. “É um lugar onde tem muito assalto e, às vezes, até assassinato. Este distrito vai melhorar a segurança para a população da cidade e para os moradores de todos os municípios do entorno”.

Além do Disep, o Governo do Estado, por meio da Secretaria da Segurança Pública (SSP), investe em outros mecanismos de segurança. Na Bahia, já foram instaladas 17 bases comunitárias de segurança, sendo dez na capital, duas na Região Metropolitana de Salvador (RMS) e cinco no interior.

Corregedorias do TJBA criam banco de leiloeiros para agilizar processos judiciais.

A Corregedoria Geral da Justiça da Bahia e a Corregedoria das Comarcas do Interior criaram o Banco de Leiloeiros com o objetivo de facilitar o acesso de juízes e servidores às informações sobre profissionais habilitados a atuarem nos processos judiciais.
O Provimento Conjunto foi assinado pelo desembargador José Olegário Monção Caldas, corregedor-geral da Justiça, e pela desembargadora Vilma Costa Veiga, corregedora das Comarcas do Interior.
Os leiloeiros serão credenciados a partir de indicações periódicas dos respectivos conselhos ou associações de classes. O banco é de caráter permanente e será mantido, atualizado e publicado a partir do sítio eletrônico das Corregedorias.

Entre os requisitos para o credenciamento está o de o leiloeiro não ser cônjuge, companheiro ou companheira, ou parente até o segundo grau civil de magistrado que integra o Poder Judiciário do Estado da Bahia.

Comarcas do interior da Bahia ganham novas varas criminais e da infância e juventude.

As comarcas de Feira de Santana e de Itabuna ganharão mais uma vara criminal, conforme Resolução do Tribunal Pleno, aprovadas na sessão da última sexta-feira (24).
Será instalada a 6ª Vara Criminal em Feira de Santana e a 7ª Vara Criminal em Itabuna, conforme resoluções publicadas na edição de hoje (27) do Diário da Justiça Eletrônico.
As unidades, denominadas Varas de Execuções Penais e Medidas Alternativas, são importantes nas comarcas, ambas sedes de conjuntos penais com execução de regimes fechado e semiaberto.
As varas terão competência exclusiva para processamento e julgamento de feitos relativos a execuções de penas e suas medidas alternativas.
Com as autorizações do Tribunal Pleno, a Comarca de Feira de Santana passa a contar com quatro varas criminais e a Comarca de Itabuna, com três.
Infância

Em outra Resolução, o Tribunal Pleno autorizou a instalação de varas da Infância e da Juventude nas comarcas de Alagoinhas, Barreiras, Jequié, Paulo Afonso, Porto Seguro e Teixeira de Freitas.

CODEVASF em Juazeiro homenageia dia do Agricultor.

Criado em 27 de julho de 1960 pelo então presidente Juscelino Kubitschek, em comemoração aos 100 anos do Ministério da Agricultura, o dia do agricultor faz uma homenagem aos produtores rurais, considerados um dos principais responsáveis pelo crescimento econômico de nosso país.
Em nossa região os frutos desse trabalho garantem o desenvolvimento do vale do São Francisco, gerando emprego e renda para a maioria da população ribeirinha.
Como reconhecimento da importância dos agricultores para nossa economia, o superintendente regional da CODEVASF em Juazeiro, Alaôr Grangeon de Siqueira, encaminhou aos distritos administrativos dos perímetros irrigados de Mandacaru, Maniçoba, Curaçá, Tourão, Pedra Branca, Rodelas, Glória e a Associação dos Usuários do Perímetro Irrigado do Salitre (ASUPIS) correspondência parabenizando todos os agricultores familiares que integram esses perímetros irrigados.
Segundo Alaôr Grangeon, “eles são verdadeiros heróis, pois conseguem, com seu trabalho, neste sol quente do nosso sertão, diante da escassez de água e de todos os problemas que afetam a atividade, retirar da terra os frutos que vão gerar divisas para o desenvolvimento de nossa região”.
Alaôr observa que “nós precisamos continuar apoiando esses trabalhadores que, de sol a sol, geram riquezas; seja através de apoios técnico, financeiro e de infraestrutura, seja através de melhoria das condições de trabalho de todos eles”.
O gerente executivo do Distrito de Irrigação do perímetro irrigado de Maniçoba, Valter Matias de Alencar, que no seu dia a dia tem contato com os produtores, afirma que “é importante que os produtores tenham fé em seu trabalho, e condições de realizar essa atividade tão importante para eles e para todas as comunidades”.
O agricultor Edilson Conceição da Silva, de 47 anos, confessa que “me sinto muito orgulhoso quando eu vendo o que eu produzi para alimentar muitas pessoas, e além de conseguir meu sustento, ainda ajudo muita gente também”. Ele conta que já passou por muitas dificuldades no campo, mas “com o tempo e com muito trabalho, eu consegui me firmar e hoje me sinto uma pessoa realizada, tanto eu como minha família”. Edilson e a esposa têm três filhos, de 7, 11 e 15 anos, e estão no lote agrícola do perímetro irrigado de Maniçoba há sete anos. Para o futuro Edilson espera terminar a implantação da cultura de manga e maracujá para continuar com seu trabalho de maneira mais assegurada, graças às culturas perenes.
Ele lembra que quando começou com agricultura, “só via mato e caatinga, e hoje, com nosso trabalho, eu vejo muitos pais trazendo seus filhos de volta para o campo para trabalharem com o que é deles também”.
Benedito Lima Nunes, de 51 anos, é outro produtor do perímetro de Maniçoba que acredita em seu trabalho, e junto com dois dos seis filhos, já começou a preparar a terra para plantar melancia consorciada com os pequenos pés de manga. Ele lembra que, como a maioria dos produtores vizinhos, começou sua atividade no lote plantando culturas de ciclo curto, como melão, melancia e feijão, mas hoje, estabilizado economicamente, já está passando para as culturas de ciclo longo, como coco e manga.
“No início foi tudo difícil”, lembra Benedito, que afirma “mas com o trabalho, a insistência, e ajuda do distrito de irrigação e da Codevasf, conseguimos botar esse negócio para frente, e hoje, graças a Deus, estamos bem”.
No ano passado os 34 perímetros irrigados assistidos pela Codevasf totalizaram R$ 1,67 bilhão em Valor Bruto de Produção (VBP). Desse total, segundo dados da Área de Irrigação da Companhia, 40% são oriundos da agricultura familiar. A produção total foi estimada em 2,62 milhões de toneladas de produtos agrícolas, principalmente frutas. A geração de empregos chegou a 76.692 empregos diretos e 115.038 empregos indiretos.

A companhia continua investindo na revitalização e melhoramento das atuais estruturas física s dos perímetros. Segundo dados da área de irrigação, os investimentos totalizam até agora R$ 500 milhões empenhados em ações de modernização, sendo que mais de R$ 250 milhões já foram utilizados.

MPF e MP/BA firmam TAC para melhoria na educação básica do município de Caravelas/BA Termo de Ajustamento de Conduta é fase do Projeto MPEduc.

O Ministério Público Federal (MPF) em Teixeira de Freitas/BA, em parceria com o Ministério Público do Estado da Bahia (MP/BA), firmou, no último dia 7 de julho, Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o Município de Caravelas/BA, visando à melhoria estrutural dos setores da Educação no município, localizado a 840 km da capital.
O TAC foi firmado como meio de implementação do Ministério Público pela Educação (MPEduc), que tem como objetivo estabelecer melhorias para a educação básica dos brasileiros. No município de Caravelas, o primeiro ponto foi a adoção de providências imediatas para sanar irregularidades encontradas nas diversas áreas da educação municipal.
Dentre as ações previstas no TAC, estão a formação de comissão específica para auxiliar o MPEduc no Município, a adequação do transporte e da merenda escolares às determinações da lei, a melhoria do espaço físico das escolas municipais e a adoção de boas práticas na gestão da educação. De acordo com o documento, a Prefeitura de Caravelas terá o prazo máximo de 90 dias para concretizar as providências estabelecidas. A Procuradora da República em Teixeira de Freitas/BA, Marcela Fonseca, acredita que o TAC representa um importante passo para a melhoria da educação em Caravelas, em diversos níveis de atuação, e espera que o município seja um exemplo para toda a região de investimento de recursos humanos e materiais na área da educação.

Projeto – o MPEduc é um projeto desenvolvido para ser executado em parceria entre o MPF e o Ministério Público dos Estados. Seu principal objetivo é o de estabelecer o direito à educação básica de qualidade para os brasileiros, contando com o envolvimento dos membros do Ministério Público, dos gestores públicos e dos cidadãos. Para isso, são realizadas coletas de informações, audiências públicas, análise de questionários e visitas às instituições com o intuito de obter um diagnóstico das condições das escolas públicas de ensino básico.

Vice-prefeito de cidade alagoana é acusado de mandar matar esposa na Bahia.

O vice-prefeito da cidade alagoana de Canapi, Genaldo Soares Vieira, está sendo acusado de mandar matar a companheira Josielma Alves da Silva, em Paulo Afonso, no Vale do São-Franciscano da Bahia, em abril de 2015. Genaldo é considerado foragido e teve mandado de prisão decretado pela Justiça.
Josielma foi atingida com vários tiros, no bairro Prainha, morrendo dez dias após o crime. Segundo informações da Polícia Civil, o crime teria sido motivado por ciúmes.
A Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM), de Paulo Afonso, cumpriu na quinta-feira (23), em Canapi, um mandado de busca e apreensão na casa do vice-prefeito e encontrou uma espingarda calibre 12 e munições de diferentes calibres.
O pistoleiro contratado para matar Josielma, Mário César Camilo da Silva, foi preso na quarta-feira (23) em Canapi. A delegada Lígia Nunes de Sá, titular da DEAM/Paulo Afonso, que coordena a operação, disse que o pistoleiro contratou outras duas pessoas para assassinar a vítima, Fabiano Silva Santos e um adolescente, presos no mesmo dia do crime.

A operação que resultou na prisão de Mário César e na apreensão das armas na casa do vice-prefeito, batizada de “Desdêmona”, contou com o apoio de equipes da 18ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Paulo Afonso) e das Delegacias Territoriais (DTs) de Paulo Afonso e Glória.
Do Correio24horas.

Polícia prende quadrilha de “hackers” em Pernambuco e na Bahia.

A Polícia Civil do Pará prendeu dez homens nesta sexta-feira (24) nos estados de Pernambuco e na Bahia. Os homens são suspeitos de aplicar golpes pela internet. Os mandados judicias foram cumpridos nesta madrugada por policiais civis paraenses, que investigam o caso. Os presos serão transferidos para Belém e serão apresentados, na próxima segunda-feira (27), na Delegacia-Geral.
A quadrilha fez vítimas em, pelo menos, sete estados brasileiros: Pará, Maranhão, Tocantins, Ceará, Bahia, Santa Catarina e São Paulo. Denominada operação "Estrela", as investigações foram iniciadas em novembro do ano passado, em Capanema, no nordeste do estado.
O delegado Bruno Brasil, da delegacia de Capanema explica que a ação do grupo foi descoberta depois que donos de uma empresa de venda de veículos, em Capanema, procuraram a polícia para denunciar que "hackers" haviam criado uma página na internet falsa com o nome da empresa e estavam fazendo anúncios de vendas de carros.
A equipe de policiais civis constatou que o crime era praticado desde as cidades de Petrolina, em Pernambuco, e Juazeiro, na Bahia. Assim, foram decretados mandados judiciais que foram cumpridos nesta sexta-feira (24).
Ainda de acordo com o delegado Bruno Brasil, um pernambucano é apontado como o líder do grupo. Ele foi preso em Petrolina, Pernambuco, e flagrado com mais de R$ 17 mil em dinheiro e já responde a processos criminais por estelionato, em São Paulo, Pernambuco e no Pará.

Do G1.

ASUPIS faz convocação pública.