5.8.14

Investimento na produção de coco e derivados gera empregos na Bahia.

Um projeto inovador, com investimento de R$ 200 milhões e tecnologia avançada que envolve desde a plantação do coco até a industrialização de seus derivados, incluindo o aproveitamento de subprodutos. E o melhor: criou 400 novos empregos na Bahia, com previsão de 1000 postos de trabalho até o ano que vem.
Em seu programa de rádio semanal ‘Conversa com o Governador’ Jaques Wagner fala da visita que fez na manhã desta segunda-feira (4) à Frysk Industrial, no município de Conde, no litoral norte do Estado, que inicia atividades na Bahia inovando na produção de coco e envase e comercialização da água do fruto sem o uso de conservantes e aditivos. O projeto conta com apoio do Governo do Estado e beneficia também aos pequenos agricultores da região que produzem coco.

“Esse projeto é extremamente inovador. A empresa vai produzir água de coco com um diferencial muito grande que vem potencializar aquilo que já é uma marca da Bahia. Essa fábrica é tecnologia super avançada, não usa nenhum tipo de conservante, é praticamente a água do coco envasada e vai diretamente para o mercado. Eu tive a oportunidade de visitar, são mais de 400 empregos entre a área industrial e a área agrícola. Eles estão melhorando muito as mudas de coco que estão trazendo para cá, com uma produtividade muito superior àquelas outras plantas que o nosso povo plantava originalmente, e eles pretendem usar 50% de produção agrícola própria, e os outros 50% eles estão comprando fora. Para se ter uma idéia, eles estão indo buscar em Rodelas, porque muita gente planta coco irrigado lá, para trazer para envasar em Conde”.

Nenhum comentário: