4.6.13

Criada Lei do Silêncio em Ribeira do Pombal.

Após longa sessão e acirrados debates, vereadores aprovam projetos de lei do vereador Nathan Brito que visa regulamentar os ruídos sonoros na sede e no interior do município. Entre as regas da nova lei, a autorização para o município criar o Disque Silêncio, através do qual os incomodados com sons com volumes abusivos poderão acionar as autoridades.

Entre os atingidos pela Lei do Silêncio, os legisladores pombalenses não pouparam ninguém, carros e bicicletas de som, veículos com músicas em autos volumes, pedreiros e até igrejas deverão se adequar às novas regras que vão desde a volume e horários até a determinar dias na semana nos quais serão proibidos algumas atividades.

Para os teimosos ou desatentos a Lei do Silêncio prever, entre outras punições apreensão de veículos, cassação de Alvará de Licenciamentos para empresas de comunicação e multas de até 15 salários mínimos. Para o autor do projeto, vereador Nathan Brito, a lei presta relevante serviço à Sociedade pombalense e seria o atendimento a uma velha reivindicação da população. Após a aprovação na Câmara, o projeto segue para sanção do Executivo.

 Jeandro - Folha Pombalense.

Nenhum comentário: