23.5.12

População de Abaré recebe Caravana de conscientização contra o Trabalho Infantil.

Mais de mil pessoas acompanharam a caminhada da IV Caravana de Combate ao Trabalho Infantil, em Abaré, município a 569 quilômetros de Salvador, no nordeste da Bahia, na última terça-feira (22). Promovida pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza (Sedes), a caravana saiu de Rodelas, no norte do estado, segunda-feira passada e vai percorrer mais quatro cidades do Território de Identidade Itaparica.
Em Abaré, a passagem pela feira livre foi o momento de maior participação e conscientização. “Este é um momento importante de contato com feirantes, que geralmente utilizam crianças para trabalhar, e com os consumidores que as contratam para carregar suas compras, numa atitude clara de uso da mão de obra de crianças e adolescentes”, comentou Angela Gonçalves, superintendente de Assistência Social (SAS) da Sedes.
Ao longo do trajeto, professores da rede pública, agentes de saúde e trabalhadores do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) estabeleceram diálogo com a comunidade local. Depois da caminhada, vários grupos culturais do município se exibiram, entre eles o Toré Mirim da tribo Tumbalalá, o Grupo de Reizado da Lagoa José Alves, alunos da escola de arte marcial Kung Fu, o Coral Infantil de Abaré, entre outros.
Maior incidência.
Um seminário reuniu autoridades locais, gestores municipais, diretores e coordenadores do Sindicato e Colegiado Territorial, técnicos da SAS, representantes do Ministério Público do Trabalho, das secretarias estaduais de Trabalho Renda e Emprego e de Assuntos Internacionais e do Pacto Um Mundo para Criança e Adolescente do Semiárido, da Organização Internacional do Trabalho e da Universidade Federal da Bahia (Ufba).
De acordo com o pré-diagnóstico apresentado pela assistente social e gestora do Bolsa Família em Abaré, Maria Cleonice de Menezes, 529 crianças e adolescentes, sendo 330 meninos e 199 meninas, estão em situação de trabalho infantil. “A incidência é maior na lavoura, no trabalho doméstico, como vendedor ambulante e carregadores de compras nas feiras, sendo que muitas crianças deixam de frequentar a escola nas terças-feiras, dia da feira local. A Caravana veio despertar nas pessoas a possibilidade de mudar esta realidade”, salientou.
O município assinou o termo de compromisso, recebendo o Catavento, símbolo internacional da luta contra o trabalho infantil. Em junho, uma equipe da Sedes voltará ao território para a capacitação inicial de implantação do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti). (Alagoinhas Notícias)

22.5.12

CONCURSADOS: CONVOCAÇÃO PARA ESTÁ QUINTA (24).


Atenção companheiros concursados, nós conseguimos uma audiência nesta sexta-feira (25) na cidade de Salvador com o presidente do Supremo Tribunal Federal, o Ministro Aires Brito.
Por isso, estamos convocando com muita urgência todos comparecerem nesta quinta feira (24) na Camará de Vereadores de Paulo Afonso, às 09h e 30min da manhã, para tratarmos deste assunto. É muito importante comparecer não percam.
Desculpem a urgência da convocação, mas é importante o assunto. Contamos com você.
NOMEAÇAO JÁ
ATENCIOSAMENTE,
AGRADECE A COMISSÃO DOS CUNCURSADOS DE APULO AFONSO.

Deputada Luiza Maia Propõe Apartheid Cultural na Bahia.

Quando a Deputada Luiza Maia criou o texto da Lei que ficou conhecida como “AntiBaixaria”, a maioria da população entendeu que ela estava dando uma contribuição a cultura baiana, além é claro de preservar as crianças do palavrório com que alguns dos “poetas” baianos estavam presenteando a sociedade como um todo. Já que as músicas ao serem tocadas em alto e ruim som, somos todos obrigados, mesmo que a contragosto, escutar.

As chamadas músicas maliciosas sofreram um revés. E seus interpretes agora vão ter que reaprender a cantar para as mulheres e não cantar as mulheres pejorativamente. E aquelas que exigem respeito agradecem.

Naquele momento, ate mesmo, os artistas apoiaram a idéia e fizeram um ato de apoio a Lei que proíbe o poder público de contratar aqueles, cujas músicas "desvalorizem, incentivem a violência ou exponham as mulheres à situação de constrangimento". Mesmo que algumas delas rebolem e se exponham durante as apresentações.

Aplaudida e ovacionada, a deputada que ganhou popularidade por ter sido a criadora da Lei, agora resolveu dar entrada em outra. Desta vez ela buscar criar um Apartheid cultural, criando cota para os artistas do estado, que poderão vir, caso a nova Lei seja aprovada, ter a cota de 70% dos contratos em festas públicas em detrimento do resto do Brasil.

Mas quem teria dado essa idéia errada a deputada Luiza Maia? Quem o fez se não foi ela própria a ter, o fez errado e se foi ela mesma, lhe digo: a senhora está completamente errada desta vez. Criar cotas de apresentações músicas beira ao ridículo.

Pelo que se sabe ate agora, a idéia da Deputada teria como Origem um ato praticado pelo Secretario de Cultura da Paraíba. Chico César proibiu a contratação, pelo Estado, das bandas de “forró de plástico”, e duplas sertanejas – como ele mesmo definiu -, para animarem o São João naquele estado. Digno de aplauso, o ato busca levar a população música de qualidade. E assim poderia ser feito aqui. Bastaria que os secretários de Cultura e Turismo do estado e municípios o fizessem. Mas criar uma lei, apartando artistas, mesmo que eu discordo do que possam apresentar, é um grande erro da deputada. E tudo o que ela conseguiu juntar de apoio ao projeto anterior, poderá perder se insistir neste novo.

Agora se essa moda pega, imaginemos os artistas baianos que fazem enorme sucesso nas micaretas pelo Brasil, muitas destas festas com 100% de músicos baianos.

Como já disse o poeta, “é proibido proibir”.

Dimas Roque.

21.5.12

EXCLUSIVO: Em almoço, foi selado acordo entre Sônia Caires (PCdoB) e Valmir da Rocha Diesel (PTN).

O anuncio será feito no pré-lançamento no final deste mês.
Buscando dar continuidade a exposição de sua candidatura a Prefeita de Paulo Afonso, Sônia Caires se reunião hoje (21), com Valmir da Rocha Diesel, empresário e morador do Bairro Tancredo Neves. Eles discutiram a possibilidade de união dos dois para o pleito eleitoral deste ano.
Estavam presentes além dos dois, o ex-prefeito Raimundo Caires, o presidente do PSDB Adelmar Marttoreli e o vereador Daniel Luiz. O encontro foi no restaurante Velho Chico e o prato principal foi às eleições deste ano.
Com a divisão da oposição, com o PP e o PSB insistindo em ter um candidato e não buscando interlocução com a candidata Sônia, o que parecia improvável vai acontecer. Cada um deverá seguir caminho diferente.
Valmir é um conceituado empresário, com trabalho na área social no BTN e, segundo o que se espera por parte do PCdoB, deverá agregar votos, podendo levar a candidata Dona Sônia a maior visibilidade naquela localidade. 

Bahia: Governo apresenta Porto Sul para novos investidores.

Após investigações da Polícia Civil sobre o tráfico de drogas na cidade de Petrolândia, foi preso em flagrante Robson Carvalho Lima, conhecido como Robinho, de 24 anos. Ele que está morando há pouco tempo na cidade foi detido, na última sexta-feira (18), num imóvel alugado localizado na Rua José G. de Neves usado como boca de fumo.

Com a identificação do local foi requisitado à Justiça um mandado de busca e apreensão domiciliar contra Robson. No imóvel foram localizados 1,4 Kg de maconha e 330 pedras de crack prontas para o consumo, além de um veículo Focus de marca Ford que era utilizado nas vendas dos entorpecentes.

Na delegacia, o acusado declarou que trabalhava como autônomo na cidade de São Paulo onde responde um processo pelo crime de homicídio qualificado.

Ele foi autuado por tráfico de entorpecentes e encaminhado à Cadeia Pública local. (Ascom/PCPE)

Presidente da OAB em Paulo Afonso propôs a Lei da Ficha Limpa no Município.

Isabel Cristina fez hoje a sugestão na Câmara de Vereadores.

A presidente da OAB – Ordem dos Advogados do Brasil, seção de Paulo Afonso, ela apresentou a proposta de emenda a Lei Orgânica do Município. Que se aprovada, ira acrescentar ao artigo 82 a proibição de nomeação para o cargo Comissão de direção ou função de Direção, Chefia ou Administração Direta e Indireta de pessoa inelegível em razões de atos ilícitos.
O projeto da Ficha Limpa local é um anseio popular, já que a nível Federal a Lei Complementar nº. 135/2010 já está em funcionamento. O projeto foi de iniciativa popular e reuniu cerca de 1,3 milhões de assinaturas. Com a proposição da Advogada Isabel, basta que um dos vereadores assuma o papel da vontade do povo, que ele será entrará na pauta da casa legislativa.
Ao final de sua fala, Isabel foi bastante aplaudida pelas pessoas presentes no Plenário da Câmara Municipal.

Governador Marcelo Dedá transfere Governo para Poço Redondo/SE.

Na manhã da próxima quarta-feira, 23, o governador Marcelo Déda deslocará a estrutura de governo para o município de Poço Redondo, no Alto Sertão sergipano, para promover uma série de ações relativas à dinamização das medidas contra os efeitos da seca em Sergipe. Na ampla reunião serão convocados todos os órgãos federais envolvidos com a questão, além dos prefeitos das respectivas cidades que enfrentam situação de emergência. O governador também fez questão de convidar o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, para participar desse encontro, mas ainda não houve confirmação.
“Vamos buscar dinamizar todas as ações do Governo do Estado de combate aos efeitos da seca e de assistência às populações atingidas, envolvendo todos os prefeitos do Sertão e dos municípios atingidos pela estiagem. A meta é fazermos uma avaliação criteriosa de toda a região e, junto com os órgãos federais presentes, dinamizarmos as medidas para atendimento da população”, destacou o governador Marcelo Déda.
Ao longo dos últimos meses, o governador Marcelo Déda vem buscando atuar intensamente junto ao Governo Federal no sentido de ampliar a ajuda à região atingida pela seca. Graças à intervenção do governador, a presidenta da República, Dilma Rousseff, fez em Sergipe a reunião que anunciou um Plano de ação no valor de R$ 2 bilhões para atender às populações atingidas.
O governador constituiu um Comitê Integrado de Combate à Seca, envolvendo diversas secretarias e órgãos estaduais e já participou de várias reuniõesem Brasília (DF), com os ministros encarregados do problema para definir medidas que serão empregadas em Sergipe para agilizar a deflagração das ações anunciadas pelo Governo Federal. “O Governo do Estado apresentou uma lista de 12 grandes intervenções tanto emergenciais quanto estruturantes, na semana passada, aos ministros da Casa Civil, Planejamento e Integração Nacional, onde todos os projetos foram levados a Brasília”, complementou Marcelo Déda. (Ascom/SE)