18.5.12

Mário Junior anunciou oficialmente que seu nome não está colocado para ser candidato a preito.

Ele tem projeto de ser candidato ao governo da Bahia no futuro e trabalha para isto.
Sem se comprometer de imediato com a candidatura de Gilson Fernandes, o deputado estadual Mário Junior do PP, disse que está vendo com bons olhos a candidatura do vereador a prefeito. Para ele, a pretensão serve para o debate político no município.
É uma forma de engrandecer o debate na oposição ao atual prefeito Anilton Bastos que recebeu do deputado a pecha de “oportunista”, em referência a instalação de uma agência bancaria da Caixa Econômica no Bairro Tancredo Neves. Segundo Júnior, este pleito teria sido feito pelo seu Pai, Mário Negromonte junto ao presidente da instituição e o prefeito teria se apossado, sem ao menos informar quem verdadeiramente teria conseguido.
Ele aproveitou ainda para dizer a todos que não era candidato a prefeito de Paulo Afonso agora em 2012. Afirmou estar satisfeito com a lembrança do seu nome, mas que tem um projeto que é, hoje, para a Bahia e por isto não poderia mudar o seu curso político atualmente.
Durante boa parte do seu discurso, Mário Junior falou da “incompetência” do atual prefeito Anilton, que segundo ele, teria junto com o deputado do PT Paulo Rangel, feito de tudo “para denegrir a imagem de Vilma”, que é prefeita de Glória e sua mãe.

No lançamento da Candidatura a Prefeito de Gilson Fernandes o que mais se ouviu foram as palavras “unidade das oposições”.


Definição de candidato único deve durar ate as convenções.

Com a presença dos deputados federal Mário Negromonte e do estadual Mário Júnior, dos vereadores Celso Brito, Aroldo do Hospital e Dinho e Dernival presidente do PP de Paulo Afonso, foi realizado o ato de lançamento da candidatura de Gilson Fernandes pelo PSB – Partido Socialista Brasileiro hoje na Câmara de Vereadores.
Todos os que usaram da palavra declararam que “o inimigo político não está estava ali”. E sinalizavam para uma possível união de toda a oposição o mais breve possível. O que deixou a platéia presente satisfeita, já que este é o sentimento dos eleitores oposicionistas na cidade, segundo um dos presentes.
Dernival declarou “nunca trairei a unidade das oposições. Nós vamos marchar unidos”. Essa declaração tem um significado muito forte para o momento em que vivem os partidos que fazem oposição ao atual prefeito, já que aponta na direção de que todos marcharão com um só objetivo, vencer as eleições. “Todo mundo sabe, que Mário Negromonte sozinho com Gilson não ganham as eleições. Temos que estar juntos”. Finalizou ele.

Aprovados no Concurso comemoram nova decisão do STJ.

Na noite do dia 19 de maio a Corte Especial do STJ – Superior Tribunal de Justiça julgou improcedente o pedido de suspensão da Liminar que dá direito a nomeação imediata dos 1864 aprovados no Concurso Público de 2008 em Paulo Afonso na Bahia.
A corte julgou o agravo de instrumento referente ao pedido feito pelo prefeito Anilton Bastos, que vem de forma intransigente descumprindo ordem judicial.
Veja no Site do STJ:
“RESULTADO DE JULGAMENTO FINAL: A CORTE ESPECIAL, POR UNANIMIDADE, NEGOU PROVIMENTO AO AGRAVO REGIMENTAL, NOS TERMOS DO VOTO DO SENHOR MINISTRO RELATOR. - PETIÇÃO Nº 59392/2012 - AGRG NA SLS 1530”.

EXCLUSIVO: PGR dá parecer contraio ao Prefeito Anilton, que perde mais uma.


Intervenção no município fica mais evidente.

Parecer da Procuradoria-Geral da República sujere que o pedido de suspensão de Liminar feito por Anilton Bastos deve ser extinto sem resolução de mérito, o que significa dizer, que o pedido do prefeito se quer deve ser apreciado. Está é mais uma derrota na extensa coleção do atual administrador no que tange o concurso de 2008.

Na opinião de alguns advogados ouvidos pelo Site, se já era dificil reverter a decisão de manuteção da Liminar, amparada em todas as instâncias inferiores, agora tornou-se praticamente impossivel.

Veja o texto publicado pelo STF:

“Trata-se de pedido de suspensão de liminar, formulado pelo Município de Paulo Afonso/BA, contra decisão proferida em 26.7.2011 pela Segunda Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Bahia, nos autos do Agravo de Instrumento nº 0006878-77.2010.805.0000-0.     Na origem, o Ministério Público baiano ajuizara ação civil pública, em que foi concedida liminar, confirmada em agravo de instrumento, “(...) para determinar ao ente federado que proceda à imediata rescisão dos contratos temporários relativos aos cargos em que há candidatos aprovados no concurso realizado, para que sejam convocados e nomeados os aprovados no indigitado concurso”.     Em atenção ao disposto no inciso LV do art. 5° da Constituição da República e no § 1º do artigo 297 do RISTF, manifeste-se o interessado, Ministério Público do Estado da Bahia, no prazo de 5 (cinco) dias.     Após, com ou sem manifestação, remetam-se os autos à Procuradoria-Geral da República, para parecer (CF, artigo 103, § 1º).     Publique-se. Int..     Brasília, 17 de janeiro de 2012. Ministro Cezar Peluso Presidente Documento assinado digitalmente”.
Veja o texto publicado pelo STF:
“Trata-se de pedido de suspensão de liminar, formulado pelo Município de Paulo Afonso/BA, contra decisão proferida em 26.7.2011 pela Segunda Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Bahia, nos autos do Agravo de Instrumento nº 0006878-77.2010.805.0000-0.     Na origem, o Ministério Público baiano ajuizara ação civil pública, em que foi concedida liminar, confirmada em agravo de instrumento, “(...) para determinar ao ente federado que proceda à imediata rescisão dos contratos temporários relativos aos cargos em que há candidatos aprovados no concurso realizado, para que sejam convocados e nomeados os aprovados no indigitado concurso”.     Em atenção ao disposto no inciso LV do art. 5° da Constituição da República e no § 1º do artigo 297 do RISTF, manifeste-se o interessado, Ministério Público do Estado da Bahia, no prazo de 5 (cinco) dias.     Após, com ou sem manifestação, remetam-se os autos à Procuradoria-Geral da República, para parecer (CF, artigo 103, § 1º).     Publique-se. Int..     Brasília, 17 de janeiro de 2012. Ministro Cezar Peluso Presidente Documento assinado digitalmente”.

15.5.12

Reunião ontem foi tensa e oposição está dividida em Paulo Afonso.


PSDB disse que apóia Sônia Caires como Candidata a prefeita.
Convocados para mais uma reunião, ontem os partidos PSDB, PSB e PP estiveram reunidos para tentar chegar a um acordo. Eles buscavam um consenso em torno do nome de Gilson Fernandes como pré-candidato a prefeito de Paulo Afonso. Logo de inicio o presidente do PSDB Adelmar Martorelli informou que a decisão do partido já tinha sido tomada uma semana antes.
Segundo Adelmar havia um acordo para que fosse feito uma pesquisa e quem melhor estivesse colocado, na oposição, seria a pessoa escolhida por todos. A data para esta definição teria ficado o dia 06 de maio, mais alguns partidos não cumpriram o acordo e agora se acham no direito de apoiar uma candidatura, achando que todos os devem seguir.
Durante a reunião o clima ficou tenso, quando cobrado para tomar uma decisão, Adelmar informou que seu partido já tomado a sua na semana passada e estava apoiando a candidatura de Dona Sônia.
Para o vereador Daniel Luiz, “só quem vive o dia-a-dia da cidade, tem o direito de decidir o melhor caminho. Quem não vem para ajudar, o melhor que faz é se calar. Ajudaria mais”.

14.5.12

Vereador Daniel Luiz declara apoio a Pré-Candidata Sônia Caires.

 “Não é hora de aventura, a hora é de unir para ganhar” disse ele.

Um dos maiores críticos do atual governo municipal, o Vereador Daniel Luiz declarou hoje seu apoio a pré-candidatura de Sônia Caires a prefeita de Paulo Afonso. “Eu sigo o que foi decidido anteriormente por grande parte da oposição. Quem estiver mais bem colocado nas pesquisas será o candidato da oposição”.  Seguindo esse raciocínio, ele se soma a candidatura do PCdoD.

O vereador é conhecido por não esconder o que pensa. Na Câmara tornou-se o vereador mais atacado pelos da situação. Mesmo assim, não deixou denunciar semanalmente possíveis crimes que estariam sendo praticados na atual administração, segundo ele.

Daniel disse a reportagem que “Não é hora de aventura, a hora é de unir para ganhar”, em uma referência clara as movimentações de algumas pessoas na oposição.
Estava com o vereador o presidente do PSDB local Ademar Martorelli. Que informou ter sido convidado a uma reunião ainda hoje a noite, mas que lá vai também informar aos presentes que o partido está com Sônia Caires.

13.5.12

Confirmada as pré-candidaturas de Pastor Heleno e Rosa Maria em Canindé do São Francisco/SE.

Esta é a grande novidade das eleições no município este ano.
Foram confirmadas as especulações que já circulavam pela cidade. Há dias que se comentava a possível união entre Rosa Maria e o Pastor Heleno com vistas a eleição deste ano. Aquecida em forno brando, a decisão saiu esta semana. Os dois se uniram para concorrerem a aos cargos de Prefeito e Vice Prefeita na mesma chapa.
Rosa já esteve no cargo e é uma grande liderança na cidade. Ela uniu os grupos Feitosa e Galindo em torno do seu nome. Ela é presidenta do PSB – Partido Socialista Brasileiro na cidade. O Pastor Heleno tem grande influência eleitoral no sertão Sergipano e sua base mais forte é em Canindé do São Francisco. Ele hoje ocupa uma cadeira no Congresso Nacional. É deputado Federal para PRB – Partido Republicano Brasileiro.

O que indica essa união para as eleições? Que a oposição se união a um projeto de governo para a cidade. Pensou no município e não em um projeto pessoal, onde uma família ou pessoa possa ditar os destinos da cidade. Para pessoas que vinham torcendo por esta união, sobrou a satisfação de afirmar, segundo elas, que “juntou ganhou”. Esta união serve de aviso aos que pretendem chegar ao poder. Se ficarem juntos, terão chances de chegarem ao poder.
Eles contam com um apoio de peso para as eleições, o Senador Valadares.