21.5.12

Governador Marcelo Dedá transfere Governo para Poço Redondo/SE.

Na manhã da próxima quarta-feira, 23, o governador Marcelo Déda deslocará a estrutura de governo para o município de Poço Redondo, no Alto Sertão sergipano, para promover uma série de ações relativas à dinamização das medidas contra os efeitos da seca em Sergipe. Na ampla reunião serão convocados todos os órgãos federais envolvidos com a questão, além dos prefeitos das respectivas cidades que enfrentam situação de emergência. O governador também fez questão de convidar o ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, para participar desse encontro, mas ainda não houve confirmação.
“Vamos buscar dinamizar todas as ações do Governo do Estado de combate aos efeitos da seca e de assistência às populações atingidas, envolvendo todos os prefeitos do Sertão e dos municípios atingidos pela estiagem. A meta é fazermos uma avaliação criteriosa de toda a região e, junto com os órgãos federais presentes, dinamizarmos as medidas para atendimento da população”, destacou o governador Marcelo Déda.
Ao longo dos últimos meses, o governador Marcelo Déda vem buscando atuar intensamente junto ao Governo Federal no sentido de ampliar a ajuda à região atingida pela seca. Graças à intervenção do governador, a presidenta da República, Dilma Rousseff, fez em Sergipe a reunião que anunciou um Plano de ação no valor de R$ 2 bilhões para atender às populações atingidas.
O governador constituiu um Comitê Integrado de Combate à Seca, envolvendo diversas secretarias e órgãos estaduais e já participou de várias reuniõesem Brasília (DF), com os ministros encarregados do problema para definir medidas que serão empregadas em Sergipe para agilizar a deflagração das ações anunciadas pelo Governo Federal. “O Governo do Estado apresentou uma lista de 12 grandes intervenções tanto emergenciais quanto estruturantes, na semana passada, aos ministros da Casa Civil, Planejamento e Integração Nacional, onde todos os projetos foram levados a Brasília”, complementou Marcelo Déda. (Ascom/SE)

Nenhum comentário: