24.4.12

Concursados: “Não aceitaremos mais protelação das nomeações”.

Assim falou Junior sobre a atual situação dos 1.800 concursados aprovados.
O prazo dado pela justiça para que o Prefeito de Paulo Afonso na Bahia Anilton Bastos convoque as 1.800 pessoas aprovadas no concurso público, se encerra no dia 28 de abril. Como a data cai durante o final de semana, e na segunda-feira 30 deverá ser dada como facultativa para os funcionários públicos, e a terça-feira é 01 de maio, momento em que se comemora o Dia do Trabalhador, os aprovados estão convocando a toda a todos para estarem a partir das 8h da manhã em frente da Câmara de Vereadores da cidade.
Está marcada uma manifestação. Os aprovados dizem ter a informação de que o prefeito Anilton, mais uma vez, não ira cumprir a determinação judicial. Por mais este motivo eles já pensam eu pedir, junto ao ministério público, a prisão do prefeito Anilton Bastos por, segundo eles, está cometendo crime de responsabilidade. A ação deve ser dado entrada já na segunda-feira, caso se confirme que o prefeito não ira cumprir a liminar que determina a imediata demissão de todos os que estão ocupando as funções dos 1.800 aprovados no concurso público municipal.
“O prefeito não é diferente de nenhum de nós. Ele tem que cumprir a Lei”, disse um dos lideres da luta dos Aprovados. E terminou dizendo, “desta vez será diferente. Não vamos nos calar e ficar esperando. Se é para lutar, lutaremos, se é para ter enfrentamento, então que aconteça o mais rápido possível. A justiça para os concursados deve ser a mesma que cobra de Anilton. É chegada a hora do enfrentamento”.

Nenhum comentário: