6.3.12

Governador Wagner se encontra com Ângela Merkel e manifesta interesse em estreitar negócios com Alemanha.

O governador Jaques Wagner manifestou, hoje (6), à chanceler da Alemanha, Ângela Merkel, o interesse em ampliar as relações comerciais bilaterais entre a Bahia e o país alemão, principalmente na área tecnológica, de forma a desenvolver e fortalecer o segmento de tecnologia do estado, com a atração de empresas de ponta para o Parque Tecnológico de Salvador. Wagner demonstrou o interesse ao cumprimentar a chanceler alemã na visita que a dirigente fez à mais importante feira de tecnologia e informática do mundo – a CeBIT – que acontece esta semana em Hannover, na Alemanha.

Na comitiva da presidente Dilma Rousseff em viagem à Alemanha, Wagner vem realizando uma série de reuniões com multinacionais da área de tecnologia a fim de atrair novos investimentos para o Estado e, sobretudo, para o Parque Tecnológico de Salvador, cuja primeira etapa será concluída ainda este mês, com a instalação de 21 empresas. Quatro companhias âncoras foram as vencedoras do edital divulgado no final do ano passado para desenvolver pesquisas aplicadas. São elas a IBM Brasil, Sábia Experience Tecnologia S.A., Indra Brasil S.A. e Portugal Telecom.

. Um dos empreendimentos já confirmados, resultado de uma reunião do governador Wagner com o presidente da instituição alemã de pesquisa aplicada Fraunhofer, é a instalação de um centro de pesquisa da instituição no Parque Tecnológico de Salvador, o primeiro a ser instalado no Brasil, com investimento inicial de US$ 10,5 milhões.

O protocolo de cooperação técnica com a Fraunhofer será assinado na próxima sexta-feira (9), em Salvador. A Fraunhofer é o maior centro de pesquisa aplicado da Europa voltada para as áreas de saúde, segurança, comunicação, energia e meio ambiente. Atua com 15 mil cientistas e engenheiros em todo o mundo e possui 60 centros de pesquisas e escritórios de representação na Europa, EUA, Ásia e no Oriente Médio.

Além da Fraunhofer, uma gigante chinesa da área de informática, cujo nome está mantido em sigilo por exigência dos investidores, também demonstrou interesse em implantar um centro de pesquisa no Parque Tecnológico de Salvador e instalar uma fábrica de componentes eletrônicos em Camaçari. Outras duas grandes empresas da área de Tecnologia da Informação – uma norte-americana e outra europeia – avançam nos entendimentos com representantes do Governo da Bahia para implantar centros de pesquisa, laboratório de softwares e área de serviço de TI no Parque Tecnológico de Salvador.

Hoje à noite (6), o governador Wagner falará para uma plateia de 350 empresários do ramo de tecnologia de todo o mundo, que participam da CeBIT, quando mostrará o potencial do Estado da Bahia e os atrativos para a instalação de empresas de tecnologia no Parque Tecnológico de Salvador. A CeBIT reúne 4.200 expositores de 70 países e apresenta as novidades da área de tecnologia, informática e telecomunicações.
(Secom/Bahia)

Nenhum comentário: