3.1.12

Dernival Oliveira diz que “Procurador mostra desconhecimento da Lei”.

E que seria o apadrinhamento de alguns a problema do prefeito agora.
Depois que um Site local colocou a afirmação do Procurador Flávio Henrique de que “aproximadamente 200 candidatos são de Paulo Afonso, o restante são todos de fora”. Isto em uma referência as pessoas que foram aprovadas no concurso publico da Prefeitura, o Notícias do Sertão ouviu Dernival Oliveira, presidente do PP – Partido Popular local sobre a informação de que a justiça determinou a demissão de todos os ocupantes de funções temporárias e a contratação imediata dos 1.800 daqueles que foram aprovados.
Para Dernival o “procurador demonstra total desconhecimento das Leis” quando faz uma “afirmação descabida dessas. Seria a mesma coisa que dizer que alguém de Paulo Afonso não poderia fazer um concurso em outra cidade”. Ele ainda disse que isso só está acontecendo porque há um apadrinhamento muito grande na prefeitura de Paulo Afonso/BA. O município contratou 2.138 pessoas, quase que duas vezes o número de aprovados no concurso.
“Qualquer advogadozinho, sabe que neste caso não cabe recursos”. Disse Dernival. Que ainda fez questão de dizer aos concursados que se precisarem da presença do partido é só convocar que eles vão estar juntos.

Nenhum comentário: